04
Dez
08

Indignação e desobediência civil

Post que coloquei hoje no blog “Cheira-me a Revolução”

Sei que por muito que o desejemos, a hipótese de vermos esta sociedade capitalista calmamente mudar para um regime em que sejam as pessoas o centro das politicas, dificilmente acontecerá nesta sociedade totalmente controlada pelo poder vigente. Basta olhar para aquele que é o futuro próximo e podemos facilmente imaginar, que se não lhe acontecer nenhuma calamidade, vamos ter mais quatro anos de socretinice. Depois, muito provavelmente e na sequencia da politica de alterne em que temos vivido, teremos um governo do PSD e por aí fora. Podemos esperar a consciencialização das populações e que com o tempo descubram que há outras alternativas, mas poderemos acreditar que a comunicação de massas, a televisão controlada pelos grandes grupos do poder, dedicada a vender sonhos enganosos e mentiras, que hipnotiza, implanta imagens e ideias vai deixar isso acontecer? Há muito que já têm o esquema montado e a trabalhar em pleno. Como posso eu acreditar que um dia a esquerda será poder, se não acredito que lhes venha a ser permitido ganhar eleições? Vou ficar “revolucionariamente” á espera, lutando para que tudo fique sempre na mesma?
Acredito na Liberdade e no direito de todos poderem escolher o seu caminho e seguirem as suas convicções e por isso não posso aceitar uma democracia viciada, uma democracia em que jogue contra batoteiros. Que nos resta então? Que podemos fazer? “Meter pauzinhos na engrenagem” será suficiente? Penso que não.

Todos temos direito à indignação, de lhes respondermos com a desobediência civil, com a recusa em aceitar a injustiça da justiça das leis que eles criam para se perpetuarem. Não podemos aceitar ser obrigados a assistir à criação programada de pobreza para quase todos enquanto outros, muito poucos, ficam cada dia mais ricos. Temos o direito de parar com isto de todas as formas que nos forem possíveis. O caminho faz-se caminhando, a luta lutando, mas a vitória só se alcança lutando muito mais.


0 Responses to “Indignação e desobediência civil”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s


Indignados Lisboa

Blog Stats

  • 713.924 hits


%d bloggers like this: