Arquivo de 13 de Abril, 2009

13
Abr
09

Vamos fazer o 25 de Abril

socrates-revolucao-25-abr-09

13
Abr
09

A Cimeira dos Açores 17 Março 2003

cimeira-das-lajes2
Esta é uma imagem que aqui publiquei já em 2006. Como parece haver quem tem duvidas sobre as culpas do Durão Barroso no crime cometido no Iraque, (onde ainda hoje a morte está presente todos os dias por causa deles), deixo um texto que mostra como é visto lá por fora.

“José-Manuel Barroso, the commission’s president, went even further in his previous role as Portugal’s prime minister. Just days before the US formally declared war, he welcomed Bush and Tony Blair to the Azores. It was under his watch, that some of the final touches were put to a misguided plan that, by some estimates, has caused over 1 million deaths. Barroso also has questions to answer about Portugal’s involvement in transferring prisoners to Guantánamo. The anti-torture organisation Reprieve has documented how detainees were taken to the base in Cuba in ships that made port calls in Portugal between 2002 and 2004. Barroso was still prime minister during that time.”
David Cronin The Guardian.co.uk


Já agora como a a fotografia da cimeira como é vista hoje

cimeira-das-lajes-2

13
Abr
09

Quem não quer ganhar eleições

manuela-ferreira-leite-ser-milionario1
A presidente do PSD, Manuela Ferreira Leite, defendeu esta quarta-feira que o Governo está ilegitimamente a lançar concursos a seis meses das eleições legislativas, considerando que, apesar de “ser legal“, é “contra a ética da política“. ‘Aquilo que pelos vistos o Governo se preocupa é com a teimosia em relação aos grandes investimentos e com o lançamento de concursos que, do meu ponto de vista, não têm sequer legitimidade para serem feitos, a seis meses das eleições‘, criticou. Em Portugal funciona muito a legalidade: é legal, pode-se fazer‘, afirmou em declarações aos jornalistas na sede do PSD. ‘Pode ser legal, mas pode ser politicamente incorrecto e, especialmente, pode ser contra a ética da política‘, sublinhou.

Se é legal então é legítimo e seria bom saber se os governos de que fez parte não fizeram o mesmo. Seja como for são obras anunciadas há muito tempo e serem lançadas agora ou à um ano não faz grande diferença. Pode-se discutir se devem ou não ser feitas, não a altura em que são lançadas. Se como diz “é contra a ética politica” então que proponha uma lei que torne ilegal fazê-lo e já agora diga quanto tempo antes; seis meses, um ano, dois ou mesmo os quatro anos da legislatura. De disparate em disparate lá continua a Manelinha a caminho de uma derrota eleitoral bem merecida. Pena é que o Engenheiro não vá pelo mesmo caminho.





Indignados Lisboa

Blog Stats

  • 716.685 hits


%d bloggers like this: