02
Maio
09

A festa da unanimidade

socrates-ferreira-leite-portas-louca-jeronimo-banquete
A nova lei do financiamento dos partidos políticos, das campanhas eleitorais e dos grupos parlamentares, ontem aprovada na especialidade em tempo recorde, sobe em mais de um milhão de euros — de 22.500 para 1.257.660 euros — o limite das entradas em dinheiro vivo nos partidos.

Porra, de vinte e poucos mil para mais de um milhão duzentos e cinquenta mil. Aqui, tirando um ou outro deputado que se sentiu desconfortável com a situação, todos os partidos estiveram de acordo e unânimes no “sim”. Ouvi depois que isto era feito só para resolver o problema PCP e dos dinheiros da Festa do Avante, mas por mais honesta e louvável que possa ser a justificação, o que vislumbro são malas de dinheiro a entrarem pelas sedes dos partidos sem se procurar sequer saber de onde vêm e o que podem estar a pagar. Bastante elucidativo a unanimidade de todos os partidos, a celeridade do processo e o recato das reuniões.


0 Responses to “A festa da unanimidade”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s


Indignados Lisboa

Blog Stats

  • 722.450 hits


%d bloggers like this: