Arquivo de 3 de Junho, 2010

03
Jun
10

Quanto vale uma Constituição?

“É por estar em causa a economia, o emprego e o futuro de todos nós que temos que avançar com estas medidas e este é um valor que se sobrepõe ao princípio da retroactividade, que é um princípio protegido na Constituição, mas não é um princípio absoluto que se sobreponha ao bem público e ao carácter de emergência que o bem público aqui implica”, disse hoje Teixeira dos Santos.

Não é um princípio absoluto?
Podem-se aprovar leis que vão contra o texto constitucional bastando para isso dizer que é para o bem público?
Já concorda com a Ferreira Leite que “interromper” a democracia pode ser uma possibilidade? Porque permite à Banca continuar a pagar menos 10% de IRC que todos os outros?
Porque “enterrou” milhares de milhões para salvar alguns banqueiros e agora nos vem pedir sacrifícios para os pagar?
Porque devo eu confiar na palavra e na actuação daquele que foi considerado o pior ministro das finanças da Europa?
Porque não se vai embora Sr. Ministro?
A outra, a Ferreira Leite queria suspender a democracia por seis meses e este parece que pensa o mesmo.
03
Jun
10

À porrada

Alexandre, fotojornalista, começou a fotografar sem se esconder. Um «erro» que parece ter despoletado a raiva dos agentes. «Começaram a bater-me, tiraram-me a máquina e algemaram-me». O jovem de 23 anos conta que mais tarde, já na esquadra disse que era jornalista e não lhe bateram mais. Foi-lhe devolvida máquina, mas quando perguntou pelo cartão a resposta foi clara: «O cartão não existe»
Noticia completa aqui.

A direcção da PSP revela que o caso está a ser investigado, assim como outros relatos de agressões policiais ocorridos na semana passada. Este não foi o primeiro caso que aconteceu na última semana e a violência policial tem aumentado nos últimos tempos contra jovens. Sabendo do receio que se tem notado nos políticos que as medidas de austeridade possam gerar conflitos sociais e a revolta daqueles que pouco ou nada têm a perder, será que foram emitidas ordem para criar o medo e ser utilizada a violência contra todos os que possam representar vozes de revolta? Não é estranho que a violência e o tratamento dado a estes jovens seja totalmente diferente do aplicado a ladrões e bandidos? O padrão não é novo, já foi visto em outros locais e em outras situações. O silêncio da maioria da comunicação social e dos políticos parece comprová-lo.




Indignados Lisboa

Blog Stats

  • 714.212 hits


%d bloggers like this: