04
Dez
10

O regresso do Sá Carneiro

Há já algum tempo que venho assistindo a um sem número de livros, artigos e opiniões sobre o Sá Carneiro. (Para os mais novos e que não saibam quem ele é, posso dizer que era um politico, que foi líder do PSD,  que chegou a ser primeiro-ministro de um governo com o CDS e morreu num desastre de aviação quando tentava eleger para a Presidência da Republica um assustador General Soares Carneiro). Mas, voltando ao assunto do post, a quantidade enorme de elogios, vindos de todo o lado, sobre a grandeza do pequeno Sá Carneiro que quase parece uma campanha para a sua beatificação. Até o Carvalho da Silva lhe canta odes de louvor num artido da Visão e o BE se mostra disponivel para criar mais uma comossão para avaliar se a queda do avião em Camarate foi crime ou acidente.
Que raio se passa? Porque temos nós a mania de endeusar e criar mitos sebastionicos que nunca passam disso? Porquê agora? Será que é para nos impingirem a ideia que, em tempos idos houve um politico honesto em Portugal e por isso podemos ter esperança que um dia possa aparecer outro? Será que ter mudado o nome de Areeiro para Praça Sá Carneiro a uma Praça a que todos continuam a chamar de Areeiro não é suficiente para preservar a sua memória? Será que andamos com falta de Santos novos para colocar nos altares? Alguém me explica que raio se passa?


1 Response to “O regresso do Sá Carneiro”



Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s


Indignados Lisboa
Dezembro 2010
S T Q Q S S D
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Blog Stats

  • 716.714 hits


%d bloggers like this: