30
Jan
11

Fome de poder

Outro facto que aconteceu esta semana foi a proposta feita pelo Paulo Portas ao Passos Coelho de unirem já os trapinhos numa coligação para chegarem ao governo. O Passos Coelho, que vive o dilema de saber se consegue ter uma maioria absoluta sem ter de repartir o poder ou se vai mesmo ter de o partilhar com o CDS, recusou afirmando que alianças, só depois das eleições.
Esta gente parece considerar que o “Pinóquio” Sócrates já está derrotado, mas parece-me que o estão a sub-avaliar. É que o homem é um “vendedor de banha-da-cobra” e uma insaciável fome de poder.

0 Responses to “Fome de poder”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Foto do Google

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Foto do Facebook

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Conectando a %s


Indignados Lisboa
Janeiro 2011
S T Q Q S S D
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Blog Stats

  • 716.632 hits


%d blogueiros gostam disto: