17
Abr
11

O padrinho


O país está doente como está e, embora eu nem acredite que  a terapia que esta gente escolheu cure a maleita e muito provavelmente vai mesmo acabar por o matar, é fantástico ver como os esta gente continua a entreter-se com os seus duelos privados e com a ansia do poder. O mais alto magistrado, a primeira figura da Republica, esse continua sem se mexer e a preferir incentivar e esperar para ver quem sai vivo da contenda. Afinal na casa deles nunca faltará o pão mesmo que nunca tenham razão.


0 Responses to “O padrinho”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s


Indignados Lisboa

Blog Stats

  • 720.494 hits


<span>%d</span> bloggers like this: