Arquivo de 12 de Junho, 2011

12
Jun
11

O Povoador

Não ouvi o discurso do 10 de Junho do Cavaco em direto porque, quando liguei o rádio, tinha ficado enjoado com o do António Barreto. Ver um “funcionário” que trabalha para o merceeiro do Pingo Doce, arrogar-se no direito de transformar em urgente desígnio nacional o seu pensamento pessoal sem que ninguém lhe tenha passado uma procuração para isso. Ai a maldita da Constituição que é necessário atirar para o lixo e colocar lá outra bem mais amiga do poder de impor, do poder do dinheiro e do poder de silenciar. Desliguei o rádio enjoado.
Ouvi mais tarde um pouco daquilo que o Sr. Silva tinha dito e, surpreendentemente até concordei com algumas coisas. Estranhei que de o discurso de “não se podem pedir mais sacrifícios aos Portugueses” quando da tomada de posse, tenha passado para um de “os portugueses precisam de aceitar mais sacrifícios”, mas concordei quando falou da necessidade de repovoar o país e de refazer a nossa agricultura. Há muito que o defendo mas, há sempre um mas, custa-me ouvir este discurso de quem foi um dos principais responsáveis pelo fim da nossa agricultura quando foi Primeiro-Ministro. Nunca se pagou tanto para arrancar tantas culturas e nunca se desertificou tanto o interior. Estou farto desta política de hipocrisias. Uma nova forma de democracia participativa é urgente.
12
Jun
11

Uma coisa sem nobreza nenhuma

«Só Nobre atrapalha negociações entre PSD e CDS»
in Diário de Notícias

Este Nobre que se apresentou nas Presidenciais como o mais anti-político dos candidatos, que se mostrou contra o clientelismo e a distribuição partidária de tachos, não necessitou nem de seis meses para se tornar naquilo que dizia criticar. Ansioso por poder e depois de não ter conseguido a Presidência não hesitou em transformar os seus míseros 15% de votos na possibilidade de ser a segunda figura da nação. Pequeno, pequenino demais para merecer o respeito, sobretudo daqueles que votaram nele. Sem experiência parlamentar, dificilmente vai conseguir ser eleito, tanto mais que o voto é secreto e há muitos, mesmo dentro do PSD, que não lhe reconhecem competência para o lugar. Espero que não o consiga para ver como vai reagir. Ele merece isso.




Indignados Lisboa

Blog Stats

  • 714.350 hits


%d bloggers like this: