Arquivo de 30 de Setembro, 2011

30
Set
11

Uma questão de estilo


O Presidente da República reconheceu hoje que  a omissão de dívidas públicas na Madeira configura uma situação grave, mas  sublinhou que o programa de ajustamento não pode ser preparado “de um momento  para o outro”. O chefe de Estado recusou ainda fazer qualquer comentário às reacções  do presidente do Governo Regional da Madeira, apesar de admitir que tem  um estilo diferente de Alberto João Jardim. “Cada dirigente político tem a sua forma específica de fazer política”:

Governo recua e só apresenta amanhã a auditoria às contas da região. Oposição acusa Passos Coelho de não “honrar” a palavra. “Falei demais”. Foi esta a frase de Passos Coelho que acabou por marcar o debate quinzenal de ontem no Parlamento, onde o primeiro-ministro deu o dito pelo não dito e revelou que só depois das eleições regionais de 9 de Outubro será conhecido o plano de ajustamento para a Madeira.

Sei que todos são do mesmo partido, que às vezes se zangam e depois fazem as pazes, que quando chateiam  o Bicho da Madeira ele ameaça abrir a boca e todos se encolhem, mesmo considerando tudo isto é uma vergonha que não utilizem os mesmos critérios que utilizaram nas eleições legislativas. A Troika analisou as contas de um país e apresentou o plano de resgate em menos tempo que este governo consegue fazer uma auditoria na Madeira. No continente passam o tempo a tirar-nos à cara que as medidas de austeridade da Troika foram aceites pelos portugueses quando votaram e deram uma maioria ao PSD/CDS, mas na Madeira pedem aos eleitores que votem num futuro desconhecido. Se eu fosse madeirense queria que o Bicho ganhasse, pois assim podia não sofrer tanta austeridade por ele não cumprir com plano nenhum e por ainda obrigar os “Cubanos do “contenente” a pagar o buraco que fez na Madeira.
Se já pagámos um BPN porque não haveremos de pagar outro chamado Buraco da Madeira?

30
Set
11

Compra-se soberania

A chanceler alemã, Angela Merkel, defendeu o agravamento de sanções a países da Zona Euro que não cumpram os critérios de estabilidade, incluindo a perda de soberania, em entrevista no domingo à televisão pública ARD. “Quem não cumprir, tem de ser obrigado a cumprir”.

Angela Merkel rejeita novas medidas para estimular economias da zona euro e não acredita que a adopção de novas medidas de combate à instabilidade das economias da zona euro seja uma solução a aplicar. Para a chanceler alemã a crise não é da moeda única mas sim a dívida dos países.

E se dessem uma pilinha a esta Senhora para ver se ela se ir entreter. Bigode é melhor não porque dali já veio um com bigodinho que destruiu a Europa e originou uma guerra mundial. Esse, tentou conquistar a Europa pelas armas e falhou, esta ataca com as finanças e a economia para reclamar a soberania sobre outros países. Vai falhar também, faltando saber que consequências isso trará para a Europa e para quem cá vive.



Indignados Lisboa
Setembro 2011
S T Q Q S S D
« Ago   Out »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Blog Stats

  • 714.354 hits


%d bloggers like this: