Arquivo de Setembro, 2012



27
Set
12

Mentiroso e Burro

«A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) acusou  o Ministério da Educação de gastar 61 mil euros, por ajuste directo, num parecer jurídico para justificar por que não paga compensações por caducidade de contrato aos docentes.   
Em comunicado, a Fenprof divulgou a folha de rosto do parecer que a tutela solicitou em Março à empresa Sérvulo & Associados e pelo qual pagou 61 mil euros, por ajuste directo, e que o ministro Nuno Crato afirmou desconhecer numa reunião mantida com aquela organização sindical, na sexta-feira passada.    
O ministro terá mesmo dito à delegação da Fenprof que, se a organização conhecesse tal parecer, devia mostrá-lo ao Ministério, argumentando que a tutela tem os seus próprios serviços jurídicos e não precisa de recorrer a pareceres externos.    
A Fenprof acrescenta um ofício, assinado por Nuno Crato, enviado também em Abril ao provedor de Justiça, em que o ministro afirma que, face à recomendação do provedor no sentido de serem pagas as compensações por caducidade de contratos aos professores, pediu “um parecer jurídico a uma conceituada sociedade de advogados sobre o regime aplicável à cessação, por caducidade, de contratos a termo em funções públicas”. » [CM]

Este governo é incompetente em tudo. Nem a mentir é bom. Bem, há uma coisa em que é especialista, em dar negócios a amigos com o dinheiro que nos rouba. Paga aos amigos para não pagar a quem tem direito. Esta corja tem mesmo de ser corrida.

Anúncios
26
Set
12

O incompetente

O governo tinha como objectivo principal este ano atingir um défice de 4,5%. Falhou e falhou por muito. O défice real estará acima de 6% e só com medidas extraordinárias chegará à nova nova meta de 5%. No ano passado, também só se conseguiu cumprir os 5,9% com os fundos de pensões da banca. Segundo o governo o desemprego apenas subiria até 13,4% e já está em 15,7%.  Na receita fiscal, até Agosto teve uma queda homóloga de 2,4% quando o governo esperava um crescimento de 2,6% (já depois de corrigido no Orçamento rectificativo).

Se isto não é incompetência o que é? Se estes são os resultados que consegue mesmo depois da brutal austeridade a que sujeitou o país (destruindo a sua economia e a vida de milhões de cidadãos), então está na hora de se demitir (ou ser corrido a pontapé) por ser incompetente.

26
Set
12

Uma cigarra muito reles

 

O ministro da Administração Interna afirmou hoje que quando disse que havia muitas cigarras e poucas formigas em Portugal referia-se “aos trabalhadores por conta de outrem e aos pequenos e médios empresários, comerciantes e agricultores, que, pelo trabalho de formiga que todos os dias fazem, criam riqueza, mantém empregos e criam postos de trabalho em Portugal”.

Agora já se compreende o que queria dizer aquela sinistra personagem, cigarras são os médicos do SNS, os bombeiros, policias, professores e todos os outros funcionários públicos. Mais uma vez este governo tenta culpar os funcionários públicos por todos os males do país esquecendo-se de dizer que muitas das funções essenciais da nossa sociedade são feitas por eles. Claro que há cigarras mas muitas delas são os boys que o PS, o PSD e o CDS têm vindo a colocar um pouco por todo o lado. Esta gentinha que nos governa não presta para nada.

25
Set
12

Concertação social ou treta nacional?

Sindicato que é sindicato há muito que devia ter cortado de vez com este Conselho de Concertação Social há muito tempo. Aquilo não passa de um local para fingir que se discutem   tentam conciliar as aspirações dos trabalhadores e dos patrões. Cedo se entendeu que afinal aquilo não passa de um antro onde o governo e os patrões, com a cumplicidade da UGT vão acabando com todos os direitos conquistados ao longo de muitos anos. A CGTP, mesmo acabando sempre por não assinar os acordos não a abandona porque tanto patrões como sindicatos são pagos para fazer aquele espectáculo. No fim o que fica é sempre a assinatura do governo, dos patrões e da UGT a legitimar os roubos e as malfeitorias que de lá saem.

 

25
Set
12

Mais um Retrato do Governo

24
Set
12

Gafanhotos, Formigas e Cigarras


«O ministro da Administração Interna (MAI), Miguel Macedo, disse que Portugal “não pode continuar um país de muitas cigarras e poucas formigas”. ao mesmo tempo que enaltecia o “esforço do povo” para ultrapassar a crise.»

Há realmente um povo de formigas que trabalha, outro que quer trabalhar e não o deixam, muitas cigarras a “cantar” em comentários nas televisões sobre a inevitabilidade de tudo ser como é, mas esqueceu-se o Ministro dos gafanhotos que roubam as pobres formiguinhas. Até quando é uma resposta que terá de ser dada pelas formigas.

24
Set
12

“Se o Governo mantivesse a sua proposta TSU, significaria que o PS apresentaria uma moção de censura, não havendo uma proposta do Governo, naturalmente eu cumprirei a minha palavra”, afirmou António José Seguro.

Ou me engano muito ou este PS ainda acaba por optar pela violência e por mais abstenção no próximo Orçamento de Estado. Muitos mostraram alguma admiração quando se referiu no ano passado a “abstenção violenta” não compreendendo que de facto aquela abstenção foi uma violência enorme, não contra o orçamento ou o governo, mas contra a maioria os portugueses. Talvez fosse bom que pensássemos em outras alternativas para o futuro que não passassem por esta governação de alterne, ou alguém acredita que a democracia é só podemos escolher entre dois males menores por medo de tudo o que seja diferente? Porque não é.




Indignados Lisboa

Blog Stats

  • 711.244 hits

Anúncios

%d bloggers like this: