Arquivo de 11 de Janeiro, 2013

11
Jan
13

O Jota Zé

antonio jose seguro self made man

Este já deve estar a pensar em comprar meias solas e em como deve ser bom sentar-se numa cadeira em São Bento. Vindo da Jota do PS, nunca trabalhou nem deve saber nada da vida real,  tudo o que sabe fazer é intrigas partidárias e jogos políticos e deve imaginar que este governo já está suficientemente queimado para lhe garantir uma vitória eleitoral. Ontem o PS já falava na demissão do governo e na realização de eleições. Tudo isto até podia ser bom se este não fosse mais um igual ao que lá está, predisposto a cumprir com as ordens da Merkle, dos mercados e dos especuladores, pelo que com nova cara continuaria tudo muito semelhante. Quer isto dizer que não há solução? Não, soluções há o que não sei é se já há também uma consciência das alternativas e da necessidade de todos nos empenharmos nelas. Debate-las e divulgá-las e envolver as pessoas na sua construção e aplicação é urgente e isso só será possível se todos assumirmos a democracia como participação e acção.

11
Jan
13

Total rectal quase anal

passos coelho total rectal

Este governo é um governo que perdeu todas as condições que tinha para governar. Sem legitimidade popular, sem conseguir cumprir as metas definidas, sem o apoio claro do Presidente, com os próprios partidos da maioria governamental a esbroarem-se em criticas e desacordos quanto à governação este é um governo moribundo. Mas, moribundo ou não é um governo de foras-da-lei, um governo cheio de oportunistas e gente intelectualmente incompetente e desonesta, um governo que não olha a meios para atingir os seus fins. Em menos de dois anos destruiu toda a estrutura do país, da económica à social. Criou centenas de milhares de desempregados, de precários, de jovens  emigrantes altamente qualificados, de pobres, de desalojados e prepara-se para dar a machadada final nos escombros do que ainda resta do estado social. E esse é o maior perigo, o de que antes de morrer este governo ainda nos deixe como legado essa destruição. Isto é gente reles a trabalhar para os senhores do grande capital, para os mercados, para encher os bolsos dos especuladores e pasme-se para pôr em prática a teoria neo-liberal em que as suas cabeças foram ensopadas nas jotas dos seus partidos. Gente burra, e sem moral, gente que não presta, gentinhas reles. Cabe-nos a todos nós dar-lhes o empurrão final e já para evitar que façam mais danos que demorarão depois décadas a corrigir, mas cuidado que se for para tirar estes e meter lá outros dom mesmo género não vale a pena. Que se debata já, que se apresentem propostas de um novo sistema e de novas soluções. Elas existem se realmente desejarmos a mudança.




Indignados Lisboa

Blog Stats

  • 714.354 hits


%d bloggers like this: