Arquivo de 11 de Março, 2013

11
Mar
13

Crime organizado

VITOR GASPAR PADRINHO

O Instituto Nacional de Estatística confirmou, esta segunda-feira, que no ano passado a economia portuguesa sofreu a mais profunda recessão desde 1975, atingindo os -3,2% do Produto Interno Bruto.

A cada mês que passa os resultados só pioram. Aumenta o desemprego, a dívida, a queda das exportações e do PIB e de mais não sei quantos indicadores económicos que nem sei o querem dizer. Boas noticias nem uma e o governo acerta menos nas suas previsões que eu no Euromilhões. Ao fim de dois meses este Orçamento de Estado já está completamente falhado e sempre para pior. Como o Vitor Gaspar não é burro isto só quer dizer que aquilo que está a acontecer é planeado e serve os interesses de alguém. Se não são os nossos nem os do país só pode estar ao serviço dos Mercados, da Grande Banca e Corporações Internacionais. Se isto não é trair o seu país não sei o que é e o Banana de Belém escreve prefácios de livros de discursos compactuando e fazendo dele cúmplice na traição. Rua com toda esta cambada e já.

11
Mar
13

Disciplina de voto e democracia directa

passos coelho nuno montenegro grupo parlamentar psd disciplina voto

Peço desculpa por não colocar todos os nomes dos personagens, neste caso deputados do PSD, mas podiam ser de qualquer outro grupo paralamentar porque não os conheço e acredito que a grande maioria dos portugueses também não. Tirando uma dúzia mais mediáticos o resto são personagens pardas escolhidos pelas direcções e que representam interesses, ou de grande empresas de advogados ou de outros quaisquer interesses instalados. Raramente falam e vivem nas sombras do parlamento e as suas grandes tarefas partidárias são o baterem palmas sempre que fala alguém da sua cor política e terem o cuidado de perguntar ao seu líder de bancada se devem votar sim, não ou abster-se nas votações. Todos estão sujeitos a uma coisa a que chamam pomposamente “disciplina partidária” que mais não é que um limpar de consciências. Concorde ou não concorde, vá lixar ou não quem o elegeu, o partido manda e ele obedece porque sabe que só assim voltará a ser candidato ao seu cadeirão no hemiciclo em futuras eleições.
Quero eu ser representado por gente desta? A minha resposta é não e por isso acredito ser urgente lutarmos por uma democracia mais directa. Ideias há várias, umas dentro do próprio sistema instalado, outras com pequenas alterações legislativas e outras ainda que obrigariam a alterações constitucionais. O debate deste tema é importante  e exige a participação de todos. Existem vários grupos a trabalhar estas ideias separadamente e parece-me ser necessário que se juntam e as debatam com maior profundidade para se encontrar um caminho e uma estratégia. Esta parece-me ser uma alternativa a explorar e um trabalho a fazer já por cada um de nós e para isso todos devemos tentar informar-nos do trabalho já feito e procurar saber de como outros grupos, noutros países têm tentado avançar.

11
Mar
13

Mais um filme de Terror em exibição por ai

cavaco silva passos coelho mama mumia




Indignados Lisboa

Blog Stats

  • 714.346 hits


%d bloggers like this: