Archive for the 'Parvoices' Category

15
Out
13

Jogar ao braço de ferro

Armenio Carlos Miguel Macedo braco de ferro

O Ministro Miguel Macedo veio dizer que depois dos pareceres negativos de três organismos de segurança não pode autorizar a manifestação da CGTP na Ponte 25 de Abril. Pois, mas o problema que se coloca aqui é o de que as manifestações não carecem de autorização para a sua realização mas simplesmente de uma informação dos organizadores às entidades competentes. (Algo que nem sequer é necessário se se tratar de uma manifestação espontânea).  Mas voltando à Manifestação de dia 19, e depois do Arménio Carlos ter dito que a mesmo apesar da posição do ministro a mesma se vai realizar, estou curioso de ver o que vai acontecer. Ai, ai, vai a CGTP fazer desobediência civil? Eu quero ver, quero aplaudir e vou estar lá. Não sei ainda é como vou chegar à Praça da Portagem onde começa a manifestação. Se calhar ainda convoco uma outra manifestação umas horas antes, que comece no Bairro da bela Flor e atravesse a ponte para lá poder estar. Será que o Ministro a mim me vai autorizar ou voltaria a enviar os seus cães policias? E será que o Arménio Carlos me voltaria a chamar de delinquente como naquele dia fez nas televisões?

29
Set
13

O palhaço de serviço

antonio jose seguro the clown eleitoral

“Esta campanha eleitoral superou as minhas expectativas, porque sinto que há uma relação de confiança que se estabeleceu entre os portugueses e o PS”, sustentou António José Seguro em declarações à agência Lusa. “Já fiz imensas campanhas e, nesta, em vez de ser eu a dizer às pessoas que conto com elas, são as pessoas que me dizem força, precisamos de si, não desista, isto só lá vai quando o senhor for primeiro-ministro”

Só me vem à cabeça um nome para isto para além de trampolineiro; Palhaço.  Mas há alguém neste país que acredite que alguém neste país acredite que este aldrabão é solução seja lá para o que for? Haverá alguém que acredite e lhe diga  “precisamos de si”, que isto lá vai quando ele for Primeiro-ministro. Ele não passa de mais um Boy saído das juventudes, mais um que não sabe o que é a vida real, mais um que nunca fez nada mais na vida que a baixa politiquice. É mais um para quem o mundo é o que se passa em gabinetes, em acordos de corredores, em promessas de tachos e oferta de favores. O futuro deste país passa por uma mudança real de politicas  e não por substituir simplesmente o palhaço do circo. E este nem piada tem.

02
Set
13

A Moca Constitucional

passos coelho ver futuro moca na mao

Olha a luz ao fundo do túnel….ah afinal parece que não. Mas vai ali um Juiz do Tribunal Constitucional que também serve.

 PS: O que eu não sabia é que o Passos Coelho era assim um tão grande constitucionalista. Sabe tanto, tanto que até sabe que os Juízes decidiram mal e como devem interpretar as normas constitucionais, sobretudo em momento de crise em que as letras mudam de posição e o que está escrito deixa de querer dizer o que diz para dizer o que ele quer. Com tamanha sumidade no governo nem é preciso Tribunal para nada. Ele decidia e nós calávamos. É a chamada democracia ditatorial. E, já agora, oh grande cavalgadura, se não consegues governar com esta constituição, demite-te que já vais tarde.

02
Maio
13

Abelhas, unam-se e piquem essa gaja

assunção cristas abelhas

Assunção Cristas protegeu pesticidas que estão a matar as abelhas na Europa. O colapso das populações de abelhas na Europa nos últimos anos está associado à utilização de três pesticidas produzidos pela Bayer e Syngenta. A proposta de suspender a sua utilização foi aprovada esta semana, mas o Governo português alinhou com os argumentos da indústria agroquímica e votou contra a protecção das abelhas.

“Se as abelhas desaparecerem da face da Terra, a humanidade terá apenas mais quatro anos de existência. Sem abelhas não há polinização, não há reprodução da flora, sem flora não há animais, sem animais, não haverá raça humana.” disse Albert Einstein.
Mas a nossa Ministra é muito mais inteligente que o Einstein e nem o estar grávida a parece preocupar. Os lóbis e o dinheiro falam mais alto para gente como ela que o seu filho tenha um mundo onde possa viver. Se calhar até pensa que é melhor que acabem para não aborrecerem nos piqueniques ou incomodarem os turistas.

31
Mar
13

O Grande democrata

alberto joao jardim o apego ao poder

O Presidente do Governo Regional da Madeira, Alberto João jardim afirmou que, “Tanto quanto eu conheço, ou julgo conhecer as pessoas que estão neste Governo da República, não acredito que se demitam por causa de qualquer decisão do Tribunal Constitucional”. “Penso que o actual Governo tem o mesmo apego ao poder que tinha o engenheiro Sócrates e a sua gente”.

Ora ai está um verdadeiro democrata a colocar o dedo na ferida. Não havia ninguém com mais moral e prática que o pudesse dizer sem nos fazer rir. Talvez o Salazar mas esse felizmente já enterrou as botas. Será que não têm vergonha na cara?

19
Mar
13

O Abutre do Continente

belmiro de azevedo o abutre

Podia, e talvez devesse, chamar-lhe aqui um monte de nomes feios de ofensas para mostrar o asco que sinto por gente como esta, que não se satisfaz em enriquecer à custa da  fome a miséria, que à sua volta, grassam livremente, mas ainda tem de vir mostrar a sua mesquinhes e a sua sobranceria sobre os que sofrem. Podia, mas deixo só algumas “pérolas” daquilo que disse numa entrevista.

“Diz-se que não se devem ter economias baseadas em mão-de-obra barata. Não sei por que não. Porque se não for a mão-de-obra barata, não há emprego para ninguém”.

O fundador da Sonae, que terá uma fortuna superior aos mil milhões de euros, comparou também a austeridade a tomar óleo de fígado de bacalhau em vez de arroz doce e entende que as várias manifestações em Portugal têm sido um «Carnaval mais ou menos permanente», mas que defendeu que «enquanto o povo se manifesta, a gente pode dormir mais descansada» e que «o pior é quando não se manifesta».

06
Jan
13

Presidente ou idiota?…ou as duas coisas?

cavaco silva presidente ou rei

O nosso prezado líder e estimado Presidente da Republica espera que a constituição seja respeitada na privatização da RTP mas ressalva que, no que diz respeito às privatizações de modo geral, o país não tem alternativa. Curiosamente é ao Presidente da Republica que cabe a responsabilidade de fazer cumprir a Constituição, (coisa que não tem feito em relação aos orçamentos de estado), pelo que não se entende a sua preocupação; se a privatização não respeitar a constituição, veta-a. Parece simples e claro, mas claro que para isso tínhamos de ter um Presidente da Republica e não um Sr.Silva sem coragem nem dignidade a ocupar o seu cargo. Aliás, se tivéssemos um verdadeiro Presidente da Republica há muito que os gatunos e bandalhos que nos governam já tinham sido demitidos por não ser aceitável que um país seja governado por aldrabões e vendidos. Infelizmente não temos.

29
Dez
12

SNS só para gente com saúde

Paulo Macedo nao fiques doente

O secretário de Estado da Saúde, Fernando Leal da Costa, afirmou que “Se nós, cada um dos cidadãos, não fizermos qualquer coisa para reduzir o potencial de um dia sermos doentes, por mais impostos que possamos cobrar aos cidadãos, o SNS será, mais tarde ou mais cedo, insustentável”.

Qual a função do SNS? Que eu saiba é prestar assistência médica aos cidadãos que dela necessitem. É claro que é obrigação de cada um de nós cuidar o melhor que pode da sua pessoa até porque ninguém gosta de estar doente. Só que isso não se escolhe e na maior parte das vezes não se pode evitar. A afirmação do Secretário de Estado é ridícula, não quando afirma que devemos tentar reduzir o potencial de ficarmos doentes, (melhor alimentação, menos excessos ajudam), mas quando colocar o SNS em causa afirmando que ficará insustentável se não o fizermos. O SNS só ficará insustentável se persistirmos numa politica em que o dinheiro dos impostos é canalizado directamente para os agiotas através do pagamento dos juros de uma dívida que só foi contraída para pagar os excessos da banca e para tornar o país dependente e fácil de pilhar. Quando pago os meus impostos espero que esse dinheiro seja canalizado para os serviços públicos, saúde, educação, segurança social etc. Saber que, quando trabalho muito daquilo que faço é para encher os bolsos de agiotas irrita-me. Quero um SNS de qualidade, não quero sentir-me culpado nem apontar o dedo quando vir alguém fumar um cigarro ou comer um doce.

11
Dez
12

Jogos de poder

passos coelho paulo portas joker de poder

Hoje, quando fiz esta imagem não tinha ideia nenhuma porque o estava a fazer a não ser ter-me parecido boa ideia. Agora que a vou publicar continuo sem saber o que escrever o que não seria problema porque facilmente, tantas têm sido as  voltas e as cambalhotas que têm dado, arranjaria uma treta para dizer e justificar o boneco. Mas, como alguns amigos me vão lembrando nos comentários, escrever nunca foi o meu forte, pelo que deixo isso a quem a desejar utilizar para ilustrar algo de inteligente que tenha para dizer…ou algo parvo, tanto faz.

08
Dez
12

Afinal não é idiota, é super….

alvaro santos pereira superidiotman

 

 O ministro da Economia e do Emprego, Álvaro Santos Pereira, afirmou hoje que a contracção do Produto Interno Bruto (PIB) nos primeiros nove meses do ano se deveu à crise do país e ao agravamento da recessão na Europa.O Produto Interno Bruto (PIB) diminuiu 3% no conjunto dos três primeiros trimestres de 2012, com o abrandamento das exportações e a redução menos acentuada das importações a darem uma contribuição menos positiva para o desempenho no terceiro trimestre, segundo dados do INE hoje divulgados.

Eu sempre disse que este homem era um génio e havia para aí quem o visse como o idiota dos pasteis de nata. Não que a ideia dos pasteis de nata tenha sido algo com muito sucesso, aliás como tudo o que fez, antes pelo contrário, tudo desabou numa enorme desgraça, dos números do desemprego ao encerramento de empresas, mas quem a não ser ele podia descobrir que a queda do PIB em 3% se deve à crise. Quem teria toda esta clarividência senão uma sumidade como este Álvaro que importamos do Canadá. Claro que as politicas do governo, a austeridade, o facilitar os despedimentos, o desinvestimento na economia, a destruição de empresas e o canalizar todo o dinheiro para os bolsos dos banqueiros, não influencia nada o PIB. É a crise, seja lá o que isso for. Podem fazer a merda que desejarem que o Passos Coelho desculpa-se com o governo anterior, nem que passem cem anos, e o Álvaro aponta a causa fundamental, a crise. Pelo menos para os saudosistas dos tempos do “botas”, este ministro deve recordar-lhes a inteligência, a lucidez e a oralidade do velho “Cabeça de Abóbora” a que alguns chamavam de Américo Tomás. Na inteligência do discurso o brilhantismo da idiotice está lá toda.

23
Nov
12

Um cómico em Belém

 

O Presidente da República fez esta quinta-feira, na entrega dos prémios Gazeta, um discurso irónico à volta do seu “silêncio” e pediu para não relatarem a sua presença, comprometendo-se a não o revelar na sua página do Facebook.No habitual discurso que faz na entrega destes prémios de jornalismo, Cavaco Silva começou por dizer que apenas o seu “caro amigo Mário Zambujal [presidente do Clube de Jornalistas] o convenceria a estar presente: “Ele sabe bem que eu não queria vir, tudo porque eu sabia que teria de subir a este palco e de quebrar o meu silêncio”. “Todos sabem que o silêncio do Presidente da República é de ouro, hoje a cotação do ouro foi 1.730 dólares por onça, uma onça são 31 gramas, mais 1,7% do que a cotação do ouro naquele dia de Setembro em que a generalidade dos portugueses ficou a saber o significado da conjugação de três letras do alfabeto português: “tê, ésse, u” (TSU)”, afirmou Aníbal Cavaco Silva.

O homem é um cómico e tem tanta, mas tanta piada que quase fiz xixi nas calças.Afinal quando ouvimos o homem a fazer discursos e a falar de economia, ele não está a falar como Presidente da Republica, se calhar nem sabe o que isso é, o que ele está a fazer é stand-up comedy. O homem é um cómico e nós ainda não tínhamos percebido.

05
Nov
12

Ditadura democrática

 

Manuela Ferreira Leite afirmou que a democracia dificulta a resolução de problemas complexos. “Aquilo que eu na altura disse (quando falou da suspensão da democracia por seis meses) e que, provavelmente, neste momento é actual, é que em situações de extrema complexidade em que para ultrapassar os problemas complexos não se vê outra solução do que enfrentar ou afrontar determinado tipo de corporações, determinado tipo de interesses, possivelmente isso não é muito possível, na prática, ser feito em democracia”, argumentou a antiga governante. Adiantou que a intervenção da ‘troika’ em Portugal põe em causa a soberania nacional e que o sistema democrático “nem sempre” consegue enfrentar elementos externos.

Eis um estranho novo modelo, a ditadura democrática.Enquanto uns, como eu defendem uma verdadeira democracia, mais directa e participativa para resolver os problemas do país, outros há que desejam vê-los resolvidos através da força e do fim, até desta falsa e incipiente, democracia. Se os bandalhos que nos governam são maus, os que por trás lhes desejam roubar o lugar não são melhores. Defender a nossa vida e a nossa subsistência é muito importante, derrotar os que desejam condenar-nos a isso em silêncio e em repressão é essencial. Cuidado com os cantos de sereia de alguns e com as certezas de outros. Só os cidadãos podem encontrar a solução pois só eles sentem na carne as consequências da violência a que são sujeitos. São eles que perdem empregos e salários, são eles que vêem os filhos a chorar com fome, os idosos a não fazerem tratamentos que necessitam por falta de dinheiro e o país a resvalar para um abismo sem fundo. Estes, os que nos governam e os que lhes querem ocupar o lugar nem imaginam as tragédias que se vivem por detrás de muitas janelas fechadas e de muita miséria envergonhada.

29
Out
12

Perigo para a segurança nacional

O ministro da Defesa, Aguiar-Branco acusou os comentadores “de fato cinzento e gravata azul” de serem o maior adversário das forças armadas e tão perigosos para a defesa nacional como qualquer outra ameaça externa.”Este adversário é tão corrosivo, tão arriscado e tão perigoso para a Segurança Nacional como qualquer outra ameaça externa”, afirmou José Pedro Aguiar-Branco depois de acusar os “comentadores de fato cinzento e gravata azul” de fazerem “o discurso da inutilidade das Forças Armadas” e de serem o seu “o maior adversário”. “O nosso maior adversário não é a adaptação que nos é exigida à situação que o país atravessa”, nem tão pouco “as medidas da ‘troika ou a contenção orçamental”. Mas sim, “o sentimento, inegavelmente crescente, de que as Forças Armadas, num contexto de carência geral, não são necessárias” e os comentadores “que olham para o Orçamento de Estado e dizem que é aqui que está a despesa que se pode cortar sem que o país sinta a sua falta” questionando “para que servem as Forças Armadas”. Um discurso “perigosamente demagógico” que o ministro quer ver combatido “dentro dos quartéis”.

Também considero que os comentadores “de fato cinzento e gravata azul”, assim como os de fato azul e gravata cinzenta, são uma praga e que com as suas opiniões condicionam, e muito, a cabeça daqueles que vivem à frente da televisão. (Talvez por isso também chamados de opinion makers). Agora isto de os chamar de perigo para a defesa nacional é querer justificar o silenciamento das opiniões. Ainda me lembro quando um tal de Salazar o fazia com muita eficiência. É que isto de ser um perigo para a segurança nacional é coisa grave. É por isso que esse é o problema mais grave que temos e a precariedade, o desemprego, a fome, a miséria e a destruição do estado social para não falar da própria independência e dignidade do país, são coisas de somenos importância. Era bom que dentro dos quartéis lhe dessem o combate que merece. É que o maior perigo para a segurança nacional é este governo de vendidos ao poder dos mercados e das Merkels.

01
Out
12

Se o ridículo pagasse imposto este ia à falência

Miguel Relvas avisou para a falta de confiança dos cidadãos nos políticos Europeus. Olha quem vem falar de confiança nos políticos. Um cadáver politico que já faz parte da história das anedotas do país, merecido porque ser a única coisa conseguida sem ser por equivalências. Haverá ainda alguém neste país que não se ria ou vomite quando o ouve falar? Pessoalmente a mim dá-me náuseas mas acabo sempre por me rir com mais uma anedota. Se a estupidez pagasse imposto este ia à falência

01
Out
12

The Goldman do Diabo que o carregue

 “Que a medida é extremamente inteligente, acho que é. Que os empresários que se apresentaram contra a medida são completamente ignorantes, não passariam do primeiro ano do meu curso na faculdade, isso não tenham dúvidas”, afirmou António Borges o consultor do Executivo para as privatizações, falando sobre a TSU,  insistindo no que considera ser a virtude de uma opção que suscitou uma contestação transversal a patrões e sindicatos.

Esta cavalgadura que só não é Ministro porque assim pode ganhar mais como consultor do Governo e empregado do Merceeiro do Pingo, que anda a desbaratar as empresas públicas oferecendo-as aos seus amigos a preço de saldo vem chamar burros a todos perante o brilho da sua inteligência. Um neo-liberal aparvalhado que se considera um génio mas que tem sido corrido de todo o lado em que trabalhou como recentemente aconteceu com o FMI. Se mais razões não houvesse para correr com este governo. só o ter contratado uma alimária como esta e paga com o dinheiro dos nossos impostos, era suficiente.




Indignados Lisboa
Agosto 2020
S T Q Q S S D
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Blog Stats

  • 716.829 hits


%d bloggers like this: