Posts Tagged ‘Alberto João Jardim

31
Mar
13

O Grande democrata

alberto joao jardim o apego ao poder

O Presidente do Governo Regional da Madeira, Alberto João jardim afirmou que, “Tanto quanto eu conheço, ou julgo conhecer as pessoas que estão neste Governo da República, não acredito que se demitam por causa de qualquer decisão do Tribunal Constitucional”. “Penso que o actual Governo tem o mesmo apego ao poder que tinha o engenheiro Sócrates e a sua gente”.

Ora ai está um verdadeiro democrata a colocar o dedo na ferida. Não havia ninguém com mais moral e prática que o pudesse dizer sem nos fazer rir. Talvez o Salazar mas esse felizmente já enterrou as botas. Será que não têm vergonha na cara?

26
Nov
12

Troliteiros do poder

 

No discurso de abertura do XIV Congresso Regional do Partido Social Democrata, Alberto João Jardim, disse ter sido alertado para eventuais manobras de correlegionários com o objectivo de prejudicar eleitoralmente o partido. Aos delegados ao congresso, o Presidente do PSD-M disse que tal cenário constituiria motivo de expulsão do partido.

Assim se governa na Republica das Bananas, esta é a democracia dos caciques, daqueles que não aceitam nem a critica nem sequer outras opiniões. Na Madeira reina há décadas, por cá cada vez mais as liberdades são contestadas pelo poder, quem se opõe ao roubo a que estamos a ser sujeitos é considerado anarquista ou violênto. Vigiar, controlar, espiar, tudo parece valer para criminalizar quem dia não. Pois que saiba este poder que não o temo, que não me calo e que não me deixarei de manifestar sempre que assim o deseje. Eles têm a força e o poder para me travar, mas não o poderão fazer sem deixarem cair a máscara da hipocrisia e sem terem de mostrar a sua verdadeira face. Não me calo e o único medo que tenho é o de algum dia ter medo.

28
Set
12

À moda do PSD

Fundação Social Democrata da Madeira, ligada ao PSD da ilha e que desenvolve a actividade na área da “ajuda humanitária, desenvolvimento social ou económico e educação”, teve uma nota positiva de 62,9% na avaliação feita pelas Finanças. [DN Economia]

Retirado da página da Fundação Social Democrata da Madeira
Ultima entrada registada:
A moradia onde Alberto João Jardim nasceu e viveu até perto dos seus trinta anos, virá a ser transformada numa casa-museu. A Fundação Social Democrata da Madeira adquiriu o imóvel para esse fim, tendo em conta Jardim anunciar a sua retirada em 2011.
A moradia onde Alberto João Jardim nasceu e viveu até perto dos seus trinta anos, virá a ser transformada numa casa-museu. A Fundação, para além de pretender recriar o ambiente em que decorreu a infância e juventude daquele que é Presidente do Governo Regional desde Março de 1978 e, em 1974, foi cofundador do PSD, conta ali expor toda a grande colecção de medalhas comemorativas destes mais de trinta anos, quer nacionais, quer estrangeiras, que foram sendo oferecidas a Jardim.
28-02-2008

Penúltima entrada registada :
Alberto João Jardim presidiu, ontem, à cerimónia de entrega de 80 cabazes de Natal a famílias carenciadas. Foram ainda entregues 900 livros à Associação Académica da Universidade da Madeira.
06-12-2007

«O Governo não extinguiu a Fundação Social Democrata da Madeira, que está a ser investigada pelo Ministério Público (MP). O processo foi desencadeado por queixa do PND contra o presidente da instituição e líder regional do PSD, Alberto João Jardim, por suspeita de prática de crime de peculato, corrupção passiva e abuso de poder. O inquérito está parado há dois anos, pelo facto da Assembleia Legislativa da Madeira não ter autorizado, como tem solicitado o Tribunal Judicial do Funchal desde 2008, o levantamento da imunidade a Jardim. Uma prerrogativa específica dos deputados mas que o PSD alargou aos membros do governo regional na única revisão do Estatuto da Madeira, efectuada em 1991. » [Público]

A lógica, a prática e a Justiça à moda do PSD

31
Maio
12

Cagar no Parlamento


Durou três minutos a sessão da Assembleia Legislativa da Madeira onde esta manhã iria ser votada uma moção de censura ao Executivo de Alberto João Jardim. O Partido Socialista retirou a moção devido à ausência do Presidente do Governo Regional, que faltou à sessão plenária. Toda os partidos da oposição tinham anunciado que iriam votar a favor da censura à governação de Alberto João Jardim.

Não se entende muito bem porque está o PS-Madeira zangado com o Bicho-da-Madeira, afinal em todos estes anos de governante nunca compareceu em nenhuma das moções de censura ao governo. Esta falta de respeito por aquele que deveria ser o Centro da Democracia na Madeira não se estranha, tantas têm sido as vezes em que a desrespeitou e tantos foram os atropelos à democracia que por lá acontecem. Se já em Portugal falar de democracia já é um exercício de boa vontade na Madeira há muito que é algo que não se pratica.

01
Mar
12

Festa é festa e paga pelos outros ainda é maior

A secretária Regional do Turismo e Transportes, Conceição Estudante, na conferência de imprensa em que divulgou o programa das festas de Carnaval, tinha afirmado que o governo regional iria investir este ano 283 mil euros. Tratava-se, frisou, de uma redução de 15% em relação a 2011, justificada com as medidas de austeridade e do Programa de Ajustamento Económico e Financeiro assinado pelo governo regional, para obter um financiamento de 1500 milhões de euros, necessários par fazer face aos encargos decorrentes de uma dívida superior a 6500 milhões.»
«O Governo Regional da Madeira gastou 502 mil euros na festa de Carnaval, quase o dobro do valor anunciado. Só os oito grupos e escolas de samba que desfilaram no sábado custaram ao executivo madeirense um total de 234 mil euros, de acordo com as resoluções ontem publicados no Jornal Oficial da região. A este montante há que juntar 210 mil euros (sem IVA), do ajuste directo à Luzosfera para as iluminações decorativas, e 24 mil euros do apoio logístico ao sistema de som fornecido pela Art of Sound.  

Que mais se pode dizer disto? Talvez que é uma espécie de um outro BPN ao ar livre para pagarmos. Nós e os Madeirenses.
28
Fev
12

A rapaziada do Governo

Alberto João Jardim afirmou hoje que o país pode necessitar de mais ajuda financeira e considerou que Portugal precisa de medidas que coloquem a economia a crescer e não da prática de cortes “daqueles rapazinhos que estão lá no Governo”.

Quando eu concordo com alguma coisa que o João Jardim algo diz o mundo já está de pernas para o ar.

19
Jan
12

Passos de Coelho no Jardim do Alberto João

Quem no final vai acabar por se lixar? Os mesmos de sempre, os Madeirenses e os “Contenentais”. São sempre os povos que pagam a incompetência e a hipocrisia dos governantes que com ou sem crise acabam sempre mais gordos e mais ricos. Como muitos deles já têm dito, as crises são fornecem boas oportunidades.

29
Dez
11

Um manual de pirataria

O plano de resgate financeiro da Madeira, que envolve um empréstimo cujo valor Alberto João Jardim não quis revelar, implica a transferência da gestão da dívida pública da Madeira para o Instituto de Gestão da Tesouraria e do Crédito Público, proibindo a região de mais endividamento. Todos os impostos pagar pelos contribuintes madeirenses passam a ser equiparados aos aprovados a nível nacional, de que resulta um agravamento médio de 25%. “É o acordo possível, mas sem este acordo seria pior porque estava em causa a sustentabilidade da dívida pública”, afirmou.

Os Madeirenses têm culpa de estarem onde estão porque elegerem repetidamente o Bicho da Madeira, mas quem são os verdadeiros responsáveis por aquilo que foi feito. Quem gastou fortunas em propaganda, festas, inaugurações, quem controlou a comunicação social, quem usou os dinheiros públicos a garantir vitórias eleitorais, quem impôs um “défice democrático” na Região, quem fez negócios chorudos, quem foi beneficiado, quem enriqueceu rapidamente, quem, quem, quem. A coisa está fresca, é possível apontar os culpados, politica, administrativamente e até criminalmente se houvesse vontade para isso. É possível porque eles estão lá e tem nomes e caras, mas lá como cá, uns servem-se e empanturram-se com aquilo que é de todos, mas na hora de pagar é aos cidadãos que entregam a conta ainda os acusando de viverem acima das suas possibilidades. Estas dividas não são nossas, são daqueles que geriram mal os dinheiros públicos e dele se serviram. Eles que a paguem.

18
Nov
11

A “Prenda” de Natal da Troika

O Governo passou no exame da Troika como um bom menino e por isso merece receber lá para o Natal uma prende de mais oito mil milhões. Não é bem uma prenda, é mais um empréstimo, com altos juros e que só se vai somar à outra dívida que já tínhamos e que com a recessão não teremos maneira de pagar. Depois eles emprestam mais, mas mesmo gostando do que já foi feito ainda pedem mais umas coisinhas. Como disse o Gasparzinho, “A missão introduziu dezenas de pequenas alterações, coisas de nada, como reduzir os ordenados aos trabalhadores privados como foi feito no Estado, (explicaram que se assim não fosse podia haver trabalhadores do Estado a saírem para trabalharem para os privados que pagam melhor). O outra ainda, de recomendar o despedimento de milhares de funcionários públicos, os tais que tinham medo de perder para o privado. Importante mesmo é que os bancos «têm que ter uma almofada caso precisem». Depois, em Janeiro eles voltam.

12
Out
11

Do buraco financeiro ao eleitoral

Quem mais cai no buraco eleitoral madeirense é o António José Seguro, que depois de se empenhar pessoalmente na campanha vê o PS dar um trambolhão, perder metade dos deputados e ser ultrapassado pelo PS. Também o Louça não fica bem na fotografia pois foi o único partido concorrente às eleições que não elegeu nenhum deputado. Até o partido dos animais elegeu um. Mas o Jerónimo  não se pode ficar a rir ao perder um dos dois deputados que tinha na Ilha mesmo justificando o resultado com «a dispersão de votos em candidaturas inconsequentes e até provocatórias».
Quem também ganhando as eleições as perdeu é o Passos Coelho que agora se vai ter de aturar o Jardim, que não vai querer pagar a dívida, vai continuar a gastar e a vociferar contra os “contenentais” e contra o governo.
06
Out
11


Olhando para onde o PSD é agora Rei e Senhor, Belém, São Bento e Madeira, esta é a realidade e a qualidade da governação que demonstram. Estranho é que ainda haja quem lhes dê o seu voto.

20
Set
11

Há Bicho na Madeira do Planeta Laranja


O Planeta Laranja tem um Bicho da Madeira lá dentro. O lider deste Planeta é também Primeiro-Ministro deste país, o Presidente da República também já foi lider desse mesmo Planeta. O primeiro não pode dizer, sorridente, que o apoio do PSD ao João Jardim é um assunto só do PSD-Madeira nem o segundo, de fugida, que as dificuldades têm de ser repartidas por todos. São as próprias instituições que estão em causa quando não se exige o cumprimento da lei e não se sanciona o infractor quando este a viola. Ou ainda vamos voltar a ouvir o “Sr. Silva” a elogiar o bom trabalho feito pelo João Jardim na governação da Madeira e o Passos Coelho de Poncha na mão no Arraial de encerramento da campanha eleitoral do PSD no arquipélago?

02
Set
11

Pérola do Atlântico

Das “fantásticas” justificações do João Jardim para o “buraco” no défice já nem vou falar, mas sim de que, mais uma vez, alguém nos anda a mentir. Quando por cá andou a Troika, afirmaram ter descoberto na Madeira um buraco de 223 milhões para agora, quando a União Europeia descobriu que afinal já vai nos 500 milhões, vir o Passos Coelho dizer que esse valor do buraco já era conhecido e até já tinha aumentado uns impostos para o tapar. Quando mentiu o Passos Coelho, quando confirmou o buraco de 223 milhões ou agora quando disse que já sabia, desde sempre, que era de 500 milhões? O que parece certo, é que, sejam lá quantos milhões forem quem os vai pagar somos nós com mais um imposto. Que o Passos Coelho não queira fazer frente ao desbocado Bicho da Madeira, sobretudo em tempo de Eleições Regionais até posso compreender, mas que nos obrigue a pagar a nós pela sua falta de coragem e por interesses meramente partidários já não posso aceitar. Este é um caso em que não há desculpas possíveis.
01
Set
11

O Corta-fitas profissional

«O candidato às eleições na Madeira, José Manuel Coelho, inaugurou simbolicamente uma estrada municipal de dois quilómetros que serve apenas duas pessoas em Gaula: o chefe de gabinete do presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz e o seu motorista.
“O presidente da Câmara de Santa Cruz, José Alberto Gonçalves, não faz a estrada há mais de 20 anos reivindicada pela população entre os sítios da Fazenda e Achada da Rocha que serviria cerca de 200 famílias alegando não ter dinheiro mas foi célere em construir uma para apenas duas pessoas”.
 
E o mais certo é ainda vermos o Bicho da Madeira a ir lá pessoalmente fazer mais uma inauguração.
Disso gosta ele e já deve ter umas quantas reservadas para a altura da campanha eleitoral.

23
Ago
11

Serenata Madeirense


A dívida da Madeira cresceu mais de 100% em apenas cinco anos, é hoje da ordem dos mil milhões de euros e serviu para financiar a perpetuação de Alberto João Jardim no poder. Agora, perante a realidade, quer negociar um acordo de urgência com Pedro Passos Coelho a pouco mais de um mês das eleições regionais. Não há decisão oficial, mas está apalavrado. Pedro Passos Coelho admitiu já a Alberto João Jardim ir à Madeira para marcar presença na campanha das eleições regionais de Outubro,

Um problema para Passos Coelho. Quando pede às gentes do “Contenete” que faça saacrificios enormes, quando antecipa outros para tapar o “Buraco Colussal”, criado em grande parte pelos gastos do João Jardim, dificilmente pode justificar que ainda premeie o infrator. Um problema porque há eleições regionais e o João Jardim quer dinheiro para poder continuar a fazer inaugurações diárias, bem regadas ce recheadas, durante a campanha e garantir uma vitória gorda. Um problema porque sabe que o Jardim tanto lhe passa a mão pelo pêlo como no dia seguinte o critica e chama de todos os nomes que lhe passam pela cabeça.
O João Jardim sempre deu muitos votos, vitórias e deputados ao PSD, mas sempre foi uma dor de cabeça para todos os seus líderes. Porque será que não tenho pena deles? Porque todos acabaram por ceder e o Jardim de sorrir.




Indignados Lisboa
Agosto 2020
S T Q Q S S D
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Blog Stats

  • 716.831 hits


%d bloggers like this: