Posts Tagged ‘António Costa

20
Set
13

Autárquicas 2013 LX – António Costa

antónio costa campanha com sono

Nas eleições autárquicas os candidatos são tantos que é impossível fazer aqui bonecos deles todos, mas os cartazes de campanha são de tal qualidade fazem um trabalho bem melhor que o meu. Mas Lisboa é Lisboa, a capital do país e por isso aqui fica o António Costa. Com um adversário como o Seara, se fosse eu a ele ia dormir até ao dia das eleições e só me levantava para ir fazer a festa da vitória. É que este cargo está-lhe mesmo a calhar pois evita que tenha de concorrer à liderança do PS, ter o desgaste de ser Primeiro-Ministro e assim pode concorrer directamente a Belém.

26
Jun
13

Destruição da Horta do Monte

antonio costa horta monte

 

Por volta das seis horas da manhã, oito elementos da Polícia Municipal (PM) acompanharam os trabalhos camarários de destruição da Horta do Monte, localizada perto do Largo da Graça, em Lisboa. Ainda que o projeto comunitário nunca tenha recebido qualquer notificação formal e legal, a CML decidiu interromper o processo de negociação que tinha sido iniciado, com a marcação de uma reunião, e avançou com a intervenção. As cerca de cinco pessoas, membros do projeto comunitário, que se dirigiram ao local por volta das 7h foram alvo de agressões, sem qualquer justificação, por parte da polícia, segundo relatou a coordenadora da Horta do Monte, Inês Clematis. Entre encontrões e bastonadas, duas pessoas foram detidas e uma foi encaminhada para o hospital com a cabeça partida.
 
É fantástico o medo que o sistema mostra de ver surgir aoto-organização popular e o nascimento de projetos colectivos que não passem pelo pedido de subsídios ou  lambam as botas ao poder. Casas ou terrenos deixados ao abandono durante décadas, passam loga a ter um projeto e uma requalificação se alguém se lembra de os colocar ao serviço da comunidade. Como aconteceu na Escola da Fontinha no Porto, ou agora na Horta do Monte. Os projetos são desalojados á força, o trabalho feito destruído em nome das legalidades e dos procedimentos que criam para travar a ação popular livre e direta. Gostam muito de aparecer nas televisões a defender a cidadania, a necessidade de se possibilitar a participação dos cidadãos, mas só se forem em rebanho, bem direitinhos e a fazer vênias ao poder. P.q.o.P.
 
Untitled-19 Untitled-20 Untitled-21 Untitled-22 Untitled-23 Untitled-24 Untitled-25 Untitled-27 Untitled-26                         Untitled-28

 

12
Jun
13

Festas de Lisboa 2013

antonio costa antonio jose seguro festas lisboa 2013

 

05
Fev
13

A Guerra dos Rosas…vista ao espelho

antonio costa antonio jose seguro guerra das rosas mirror mirror

29
Jan
13

Ké Flô?

antonio costa ke flo sao rosas

Isto da Democracia dá trabalho e demora tempo. Só agora cheguei a casa e só agora me é possível fazer o post que queria ter feito há horas atrás. e mesmo assim nem tempo tenho para escrever o que desejava, mas cada um leia o boneco como mais gostar.

25
Jan
13

PS Toy Story

antonio costa antonio jose seguro astronauta

 Vi o anuncio e não resisti. Coitado do Cowboy que ninguém gosta dele, mas a verdade é que no PS ninguém bate este astronauta, isto se ele não desejar ir directamente do Largo do Município para Belém sem passar por São Bento.

13
Jun
12

Dia de Santo António

Oh safado Santo António

Da Lisboa tão degradada

Tua cidade é o sinónimo

De casa desocupada

São Lázaro foi ocupada

com trabalho e dedicação

a casa a ser arranjada

Um exemplo e uma lição

Com muito trabalho solidário

De uma casa destruída

criaram um espaço comunitário

uma casa renascida

Mas um filho-da-puta

não podia admitir

que de uma casa devoluta

um exemplo pudesse florir

Esta Helena é uma Roseta

que no Rossio apelava à luta

Mas afinal tudo era treta

desocupou-a à bruta

A policia foi chamada

Para a porta emparedar

Está morta e fechada

sem ninguém a lá mora

10
Jun
12

Cavaco na Mouraria

http://blog.stress.fm/2012/06/mouraria-de-uma-sociedade-dividida.html

02
Jun
12

Começaram as festas da cidade

Como tinha acontecido com a EsColA da Fontinha no Porto foi agora a vez de em Lisboa  a casa de São Lázaro ter sido desocupada pela força policial. Mais uma vez um espaço devoluto, degradado e negligenciado há diversos anos é retirado a quem o procurava recuperar e colocar ao serviço da comunidade. Neste caso a história é engraçada porque carregada de ilegalidades e hipocrisias. Ilegalidade porque a primeira tentativa de desocupação foi travada por uma providência cautelar pois a CML tinha alterado as regras, passando de 90 para 10 dias o prazo de desocupação sem passar pela Assembleia Municipal. Hipócrita porque para ultrapassar a Providencia cautelar decretada pelo juiz vem alegar o interesse público para logo de seguida mandar emparedar portas e janelas condenando aquele edifício a voltar à utilização que teve durante muitos anos; ser refugio parar ratos e baratas.
Existem quase cinco mil prédios devolutos e a degradarem-se sem que se veja um plano ou uma ideia de como os recuperar e devolver à cidade. Mas existe também o medo de que alguns cidadãos possam demonstrar que é possível mudar esta estagnação, fazerem pelas suas próprias mãos arranjos nessas casas e transforma-las em espaços vivos e que possam ser utilizados pelos moradores dessa zona. A vergonha de quem não faz nem deixa fazer.
Como se isso não bastasse ainda a manifestação de centena e meia de cidadãos que se manifestou pacificamente em protesto pela desocupação foram cercados por um aparato policial digno de um filme demonstrando o medo que este poder tem da voz daqueles que desmascaram a sua incompetência. É que para recuperar uma casa não é necessário um milhão como afirmam, mas sim a boa vontade de quem realmente quer fazer a diferença.

16
Mar
12

Estrada para Belém

20 Anos na vida política descritos ao longo de 447 páginas, é este o cartão de visita do livro Caminho Aberto, da autoria de António Costa, presidente da Câmara Municipal de Lisboa.
A Sala do Rei na Estação do Rossio, em Lisboa, foi pequena para acolher as milhares de pessoas que quiseram assistir à apresentação do livro de António Costa. Na sessão de lançamento, estiveram diversas personalidades da vida política  e onde destacavam-se os três antigos Presidentes da República Mário Soares, Jorge Sampaio e Ramalho Eanes.

Já aqui tinha dito que este ia directo para Belém sem passar pela liderança do partido. Se lhe juntarmos o Professor Martelo já temos o problema dos candidatos à presidência resolvidos.

28
Nov
11

Ah fadistas deste nosso Portugal


Anda por todo o lado a celebração da classificação do Fado como património imaterial da humanidade pela Unesco. Sem ser um admirador ferrenho há fados de que gosto e outros de que gosto menos, mas mais que a classificação que lhe deram o que mais me interessa é que haja quem o cante e cante bem. O que gosto menos é da recordação dos tempos do “Fado, Fátima e Futebol” que infelizmente estão cada dia mais parecidos com os tempos actuais. Fátima é o que é e já não há Papa que não tenha de a visitar pelo menos uma vez e o Futebol todos sabemos o que representa e como é utilizado pelo poder quando surge uma oportunidade para camuflar a realidade. Temos agora o Fado para que nos esqueçamos do fado que este governo, este sistema e este capitalismo de mercados nos carregam em cima. Pois que viva o Fado mas aquele que alguns tão bem cantam e não aquele que é sinónimo de um destino inevitável. É que inevitável só a morte, nunca a forma como vivemos a nossa vida se não a encararmos como o nosso fado.

23
Ago
11

Um Horta onde o Espantalho chama os Negros Corvos

Adriano Alves, reformado, de 81 anos, cultiva uma horta num terreno municipal há mais de 40 anos na Calçada de Santo Amaro, em Lisboa, tendo pago, no ano passado, 108,30 euros. No entanto, este valor vai subir para 3687,50 euros em 2014, de acordo com uma carta enviada pela Câmara de Lisboa no início do mês.

Ler uma notícia destas faz-me ter vergonha daqueles que nos governam. Porquê matar uma vida a um homem de 81 anos, porquê tirar-lhe uma horta que ele “mima” há 40 anos? Falando de hortas, outras casos existem que sujerem o medo das hortas pela parte do poder. Veja-se na Damaia, em que uma horta comunitária feita num baldio da Camara, com um barracão que foi uma escola esquecido ao abandono há muitos anos, acarinhada pelas pessoas dos prédios vizinhos vai rapidamente transformar-se numa “zona verde ajardinada”. As máquinas de demolir da Camara já por lá andaram. Mas, muitas outras hortas existem pelos bairros de Lisboa e que este aumento de preços vai condenar a um fim que contradiz todo o discurso de cidade ecológica e preocupada com o ambiente. Para não falar dos que sobrevivem a consumir o que podem cultivar. Num momento de crise como esta o cultivo de uma pequena horta no quintal ou, as Hortas comunitárias, que agora têm surgido um pouco por todo o lado, pode ser crucial para a sobrevivência dos que menos têm. Uma vergonha que mostra bem os governantes que temos.

09
Jun
11

Um candidato que nunca o será

Este por mais que a comunicação social o queira fazer de candidato a líder do PS ele não vai a este jogo. Aliás o percurso político do António Costa parece já traçado. Recandidata-se a Presidente da Câmara de Lisboa e depois diretamente o lugar do Sr. Silva em Belém. Para quê sujeitar-se ao desgaste de ser líder da oposição e até eventualmente um dia Primeiro-ministro se tem um atalho mais simples e mais rápido para chegar à Presidência. Não é melhor que os outros, só mais inteligente.
13
Jun
10

Dia de Santo António e do Manjerico

18
Dez
09

A grande Migração


No próximo ano Red Bull Air Race transfere-se do Rio Douro para o Tejo. Segundo parece os Municípios da área de Lisboa oferecem o dobro dos apoios à organização do que ofereciam os da área do Porto. Por mim bem podia a corrida ficar onde está pois já imagino os problemas que ela vai causar ao trânsito e à paz de um fim-de-semana. Pior corremos ainda o perigo de ver um daqueles aviões se espetar na ponte ou na Torre de Belém (se ainda fosse no palácio não era tão grave). Não posso deixar de registar aqui as palavras do Luís Filipe Menezes que afirmou que quem pagaria a factura são sempre os cidadãos deste país e que isso é inaceitável. Esqueceu-se que também ele gastou dinheiro de todos nós quando fez a corrida no Porto. Bem podia ter arranjado uma razão melhorzita.




Indignados Lisboa
Agosto 2020
S T Q Q S S D
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Blog Stats

  • 716.829 hits


%d bloggers like this: