Posts Tagged ‘José Eduardo dos Santos

06
Out
13

Um Machete vergonhoso

rui machete jose eduardo dos santos pedir desculpa por investigar crimes

Rui Machete pediu desculpas diplomáticas a Angola pelos processos que correm contra altos nomes da diplomacia angolana. “Tanto quanto sei, não há nada substancialmente digno de relevo, e que permita entender que alguma coisa estaria mal, para além do preenchimento dos formulários e de coisas burocráticas e, naturalmente, informar às autoridades de Angola pedindo, diplomaticamente, desculpa, por uma coisa que, realmente, não está na nossa mão evitar”, declarou o ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros Rui Machete

Quando este bandalho chegou ao governo fui logo invadido pela ideia triste de que era mais um daqueles cinzentões que não me ia dar muitas oportunidades para fazer bonecos. Ia andar lá por fora a comer uma jantaradas e a visitar uns amigos e pouco o veríamos. Mas não, afinal mostrou ser uma mina de trafulhices e disparates. Começou com a sua ligação ao BPN, passou por mentir no parlamento quando disse que nunca tinha tido acções da SLN e pelas trafulhices que fez quando recebia os pagamentos da SLN em seguros de saúde via offshores para fugir aos impostos e culmina agora com o esta vergonhosa afirmação, com este desrespeito total pela justiça, com este baixar das calças perante a corrupção angolana. Este fulano é uma vergonha total, é aldrabão, mentiroso, hipócrita e, nem sei que outros nomes lhe chame que honrem a sua sabugisse. Mas os seu Primeiro Ministro passa por tudo isto reiterando-lhe a sua confiança e considerando que foi só uma frase infeliz. Outros, ai, cuidado não estraguem as relações com Angola. Que vão todos á merda. O Machete devia estar a ser investigado por todas as trafulhices, fugas a impostos e sei lá que mais e quanto a negócios com ditaduras onde a corrupção é a lei quero que se lixem.

09
Dez
12

Radio Televisão Privada

miguel relvas jose eduardo dos santos rtp privada

23
Jul
12

Quanto vale um kwanza

 

De há uns tempos para cá que não há ministro ou secretário de Estado que não passe por Luanda. (Alguns mais valia tirarem o passe que devia ficar mais barato). Portugal está à venda e ali há uma classe dirigente residente,  bem abastada e com a vontade de negócio. Energia, comunicação social, construção, banca, tudo se vende e tudo compram. Sabendo-se que em Portugal cada vez mais governa o dinheiro que os interesses do país é natural que alguns fiquem preocupados por ser a filha de um governante que há mais de 30 anos governa com pulso de ferro, reprime manifestações e onde a corrupção é moeda de troca corrente, quem cada vez mais manda em sectores estratégicos para Portugal.
Longe vão os tempos em que a politica internacional acenava com os direitos humanos, com a liberdade e democracia. Agora, vende-se a EDP e a REN ao Partido Comunista Chinês e Angola é recebida de braços abertos, sem uma palavra, uma critica, sem uma pequena observação. Com o fim da cortina de ferro já não há necessidade de pensar nos povos como forma de impedir o avanço “comunista”. Os povos são agora só gado e é o dinheiro que fala cada vez mais alto. Os mesmos que há algum tempo chamavam de ditador, corrupto, assassino e outras coisas do género ao José Eduardo dos Santos são os mesmos que hoje se curvam perante ele no beija mão submisso.

19
Jan
12

Estes até vendiam a mãe

A participação de capitais angolanos em empresas portuguesas de comunicação social é normal e decorre de Portugal ter uma economia aberta, disse hoje em Luanda Miguel Relvas, ministro-adjunto e dos Assuntos Parlamentares português.

Venderam a EDP ao democrata  Partido Comunista Chinês e agora vão pojar-se aos pé do honesto e democrata José Eduardo dos Santos para lhes venderem o Canal um da nossa televisão pública. Valores como a liberdade, justiça, direitos humanos, corrupção são palavras proscritas nos negócios do governo mais liberal e capitalista que existiu em Portugal.
Como bem diz o Ministro somos uma economia aberta o que quer dizer que tudo está à venda, das nossas empresas à própria soberania do país . Mas não é só por cá, muitos outros países europeus estão a ser atirados para a bancarrota para poderem ser comprados pelos “mercados” em época de saldos. O que se está a passar é um assalto, um roubo consentido pelos nossos impotentes e incompetentes governantes. Se ainda somos um país, se ainda temos uma história, uma cultura e uma identidade tudo isso não pode ser assim desbaratado e destruído por hipócritas vendilhões do templo. Há coisas que não se vendem nem têm preço.

27
Jan
10

São milhões Senhor, são milhões


Portugal vai emprestar a Angola cerca de 140 milhões de euros já em 2010.

No início de Dezembro passado relatei aqui a o facto de o Banco de Portugal emprestar 1,06 mil milhões de euros ao Fundo Monetário Internacional (FMI) no ano em que nos lamentamos da crise internacional. Ontem o Ministério das Finanças recusou comentar um empréstimo de 140 milhões de euros a Angola no mesmo dia em que o Ministro desfiou o rosário do orçamento que impõe mais penitências e sacrifícios a quem menos tem. Não há dinheiro para minimizar a vida de quem caiu no desespero do desemprego e da sobrevivência, mas há para emprestar aos “democráticos” José Eduardo dos Santos e família para que possam continuar, na sua ostentação de riqueza, a comprar o nosso país. Temos de apertar o cinto para que outros possam alargar o deles. Será que não há aqui algo de muito errado?

12
Mar
09

A Reconquista

manuel-alegre-afonso-henriques

O vice-presidente da Assembleia da República Manuel Alegre (PS) não partilha da opinião do BE sobre as criticas ao presidente angolano, José Eduardo dos Santos. “D. Afonso Henriques também não era um democrata exemplar”, afirmou esta terça-feira à tarde aos jornalistas.

Se não me falha a história, D. Afonso Henriques tornou-se Rei de Portugal em 1143, ou seja Sec. XII o que, queiramos ou não, é diferente de Sec. XXI. É que entre eles passou-se algo, houve revoluções e evoluções, a civilização avançou. Lá porque os usámos como escravos quando ocupámos Angola, não justifica que o José Eduardo dos Santos agora faça o mesmo quando comprar Portugal. Espero eu.


12
Mar
09

Angola desembarca em Portugal

jose-eduardo-santos-human-rights
José Eduardo dos Santos está em Portugal. O Sr. Silva esperou 13 minutos pela sua chegada, (lembro-me de que quando era mais rapazote se dizia que “por uma boa mulher esperava-se sempre 10 minutos”). Certamente ninguém se terá lembrado de lhe perguntar como iam os direitos humanos no seu país, todos estão muito ocupados a fazer elogios e a pensar em negócios. Já Clinton, quando visitou a China, tinha afirmado que não iria deixar que os direitos humanos se intrometessem nos negócios. Sabendo a corrupção que existe em Angola e o Eduardinho ter dito que tinha muito que aprender com Portugal, ver esta gente a fazer negócios é assustador. Alguns acabarão certamente por ficar mais ricos. Muito mais ricos.




Indignados Lisboa
Dezembro 2019
S T Q Q S S D
« Jun    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Blog Stats

  • 714.338 hits


%d bloggers like this: