Posts Tagged ‘Manuela Ferreira Leite

13
Set
13

Até os demónios andam indignados

manuela ferreira leite send him to hell

 

Manuela Ferreira Leite considerou que a lei que estabelece a convergência de pensões entre o sector público e o sector privado, reduzindo em 10% as pensões de valor superior a 600 euros, é “imoral”. Na política é necessário existirem “princípios e valores” que “têm estar presentes nas decisões”. “Este é um caso dramático e gritante e algo que não pode ser feito numa sociedade e que a sociedade não pode aceitar.”
A antiga ministra de Cavaco Silva considerou ainda uma “brincadeira de mau gosto” que esta medida seja apresentada pelo Governo como temporária enquanto o país estiver em crise porque os objectivos do Governo não serão atingidos. “O único objectivo disto é transmitir ao Tribunal Constitucional que esta é uma medida temporária e não definitiva. “Não sei quem acredita nisto”, acrescenta.


É claro que a velha tem razão no que diz embora a moral de quem fez o que fez quando Ministra, de quem falou em suspender a democracia e quem defendeu que aos idosos com mais de 70 anos se deveriam cortar os tratamentos, nomeadamente a hemodiálise, porque não valia a pena gastar o dinheiro, não seja a melhor para abrir a boca. Aliás é engraçado que tanto ela como o seu amigalhaço Sr. Silva, que se queixava de não ter dinheiro para as suas despesas, só abram a boca para protestar quando estão em causa  pensões em que eles são atingidos. O governo faz trapalhices todos os dias, mente, engana, lixa a vida a milhões e não se houve nenhuma critica, tocam-lhe nas reformas e saltam como gatos assanhados. coincidências. Mas, melhor mesmo que andar a dizer estas coisas seria ir visitar o seu padrinho ali em Belém e aconselhá-loa demitir já este governo. É que o que por ai vem é só mais desgraça, mais fome e mais miséria. É que como ela diz a sociedade não pode aceitar este corte nas pensões e digo eu que também todos os outros roubos a que está a ser sujeita pelo que ou o Presidente os tira a bem ou isto ainda acaba mal e alguém ainda acaba defenestrado. 

06
Set
13

Coisas da velha que sempre o foi porque já nasceu velha

manuela ferreira leite fables and fairy tales

A ex-líder do PSD, Manuela Ferreira Leite acusou o Governo de fazer “bluff” ao dizer que o chumbo do Tribunal Constitucional ao regime jurídico da “requalificação de trabalhadores em funções públicas” poderá provocar medidas mais duras para os portugueses. “Isto é um ‘bluff’ de todo o tamanho. Tudo isto é um processo que demoraria muito mais de um ano, porque só na qualificação eles estariam um ano, mesmo que não tivesse sido considerado inconstitucional nunca isto teria qualquer efeito orçamental nem este ano, nem no próximo”.

 

Até tu ferreira leite. Claro que conhecendo a dama sei que não é melhor que a encomenda que lá está. Quem defendeu que os o SNS só devia pagar a hemodiálise até aos 70 anos e que depois disso não valia a pena já mostrou bem quem é e ao que vem. Seja como for não ia perder uma oportunidade para lhe fazer mais um boneco. é que estas bestas que lá estão agora já fartam e nem para bonecos prestam. 

05
Nov
12

Ditadura democrática

 

Manuela Ferreira Leite afirmou que a democracia dificulta a resolução de problemas complexos. “Aquilo que eu na altura disse (quando falou da suspensão da democracia por seis meses) e que, provavelmente, neste momento é actual, é que em situações de extrema complexidade em que para ultrapassar os problemas complexos não se vê outra solução do que enfrentar ou afrontar determinado tipo de corporações, determinado tipo de interesses, possivelmente isso não é muito possível, na prática, ser feito em democracia”, argumentou a antiga governante. Adiantou que a intervenção da ‘troika’ em Portugal põe em causa a soberania nacional e que o sistema democrático “nem sempre” consegue enfrentar elementos externos.

Eis um estranho novo modelo, a ditadura democrática.Enquanto uns, como eu defendem uma verdadeira democracia, mais directa e participativa para resolver os problemas do país, outros há que desejam vê-los resolvidos através da força e do fim, até desta falsa e incipiente, democracia. Se os bandalhos que nos governam são maus, os que por trás lhes desejam roubar o lugar não são melhores. Defender a nossa vida e a nossa subsistência é muito importante, derrotar os que desejam condenar-nos a isso em silêncio e em repressão é essencial. Cuidado com os cantos de sereia de alguns e com as certezas de outros. Só os cidadãos podem encontrar a solução pois só eles sentem na carne as consequências da violência a que são sujeitos. São eles que perdem empregos e salários, são eles que vêem os filhos a chorar com fome, os idosos a não fazerem tratamentos que necessitam por falta de dinheiro e o país a resvalar para um abismo sem fundo. Estes, os que nos governam e os que lhes querem ocupar o lugar nem imaginam as tragédias que se vivem por detrás de muitas janelas fechadas e de muita miséria envergonhada.

20
Set
12

A última ceia em Belém

Depois de centenas de milhares terem ocupados ruas e praças um pouco por todo o Portugal chegou a hora de irmos até Belém para sermos milhares de Conselheiros de Estado que mesmo sem lugar na mesa do Presidente estaremos cá fora manifestando a nossa revolta e a nossa indignação exigindo a mudança. Sexta-feira, 21 de Setembro pelas 17 horas em frente ao Palácio de Belém. Ou o Presidente começa a cumprir com o seu juramento de defender e fazer cumprir a Constituição ou então abandone o cargo. Não necessitamos de um incapaz a habitar um palácio que devia ser ocupado por gente honrada, responsavel e cumpridora do seu juramento. Eu vou.

15
Set
12

Tão amigos que eles eram

 

05
Fev
12

Só com um milagre

A ex-ministra Manuela Ferreira Leite defendeu hoje que o novo pacto orçamental europeu não tem nada de novo e que “só com um milagre” Portugal cumprirá as metas do défice no prazo previsto pelo acordo da ajuda externa.

Pelos vistos só o Passos Coelho e o seu Gaspar é que ainda acreditam que o empobrecimento dos portugueses, a criação de desemprego e de miséria através de uma brutal austeridade, atirando o país para uma recessão profunda, sem crescimento económico nem investimento nos vai permitir não renegociar a dívida nem pedir uma nova “ajuda”, custe o que custar. Se calhar também acreditam em milagres.

13
Jan
12

Velhos e pobres! Atiram-se para a valeta

A antiga líder do PSD Manuela Ferreira Leite entende que os doentes com mais de 70 anos que necessitem de tratamentos de hemodiálise os devem pagar. “Tem sempre direito se pagar”, disse. O que não é possível é manter-se um Sistema Nacional de Saúde como o nosso, que é bom, gratuito para toda a gente. Ferreira Leite insistiu que, se a hemodiálise continuar a ser disponibilizada para todos, então o sistema não funcionará “nem para ricos, nem para pobres”, concluindo que “racionar significar sempre alguma coisa que não é para todos”.Ontem estava eu muito descansado a fazer este blog quando fui surpreendido por uma conversa televisiva em que o empregado do Merceeiro do Pingo Doce,  António Barreto, afirmava que em Portugal não havia coragem para discutir se vale a pena gastar dinheiro em cirurgias ou tratamentos caros em pessoas com mais de setenta ou oitenta anos. (Sempre afirmando que ele próprio já tem 70 anos, mas esquecendo-se de dizer que nunca lhe faltaria dinheiro para o tratamento). Se um mata, outro diz esfola e a Santa Manuela Ferreira Leite acabou por fazer as lindas afirmações que retirei de uma noticia de um jornal.
Ao empregado do Merceeiro só posso dizer que ainda bem que este assunto não é discutido porque ele está acima de qualquer discussão; é um direito humano garantido pela Constituição e, só o falar-se disso é já por si uma vergonha. Sobre o que disse a velha líder do PSD nem tenho palavras. Condenar à morte idosos só porque não têm meios para pagar o tratamento, (que podem chegar a 1900 euros mensais), é uma desumanidade sem limites. Já agora, informo a senhora que racionar não é tirar aos que menos têm para dar aos mais ricos, mas distribuir o que há por todos.

03
Dez
11

A Assombração cavaquista

Sobre as críticas feitas por Manuela Ferreira Leite, Passos Coelho afirmou que «Não vivo com fantasmas. Não tenho medo, como primeiro-ministro e líder do PSD, de fantasmas internos». Até porque, acrescentou, «apesar de haver sempre vozes discordantes dentro do PSD».

Que a velha te assombre as noites entre os teus pesadelos com tumultos. Se isso não te fizer ir embora então teremos de ser nós a ir para a rua e correr contigo. É que estamos fartos de aturar mentirosos.

22
Out
11

Abruxadas da velha senhora

Manuela Ferreira Leite não acredita que quando se fala em medidas temporárias «seja por dois ou três anos; devem ser muitos mais anos». Ferreira Leite deixa uma sugestão: «Por que não, durante dois ou três anos, a saúde e a educação serem pagas por todos aqueles que podem pagar?

Lembrando-me da famosa “graçola” da suspensão da democracia lembrei-me de fazer um ditadorzinho mas não resisti a imagem que me vinha à cabeça, a de bruxa. Foi mais forte que eu e e a ideia dela a cozinhar uma poção agradou-me. É que com os critérios de riqueza desta gente muitos nunca poderiam consultar um médico e muitas crianças seriam obrigadas a abandonar os estudos (nem entendo como seria conciliável com o ensino obrigatório). E será que os dois ou três anos dela são iguais aos que não acredita e diz deverem ser muito mais do Ministro?
Com a oposição que temos não vejo forma de travar esta gente, esta loucura liberal dum capitalismo desenfreado. Só as pessoas, condenadas à pobreza e à miséria por esta gente podem mudar este destino. Só juntando-se e ocupando as ruas, exigindo a mudança será possível. Há um movimento por todo o mundo, ocupando ruas e praças exigindo novas democracias cidadãs e o fim do poder financeiro dos especuladores e banqueiros. Já nem a ocultação e a manipulação dos médias o consegue esconder e o movimento alastra tornando-se maior a cada dia. Talvez a luz ao fundo deste túnel repleto de bruxas, múmias e outras personagens do assombro.

09
Set
11

Tumulto laranja

As aparições do Ministro Vitor Gaspar já começam a raiar o deploravel e de cada vez que fala ou é para aumentar impostos ou para adiar a apresentação das medidas de redução da despesa.
“Cortes racionais, estruturais e sustentáveis na despesa exigem tempo para desenhar as soluções e tempo para as executar”e garante que 2012 será o princípio do fim da emergência financeira.
Tudo isto dito com aquele ar de inocência  de quem fala mais apoiado na fé que na matemática. Tirando os deputados que até já acusam tudo e todos de estarem a dar tolerancia zero a este governo, os membros do governo, a chefe de gabinete do Alvaro e o motorista do Nuno, já mais de 700 felizes contemplados por nomeações, o Mira Amaral com o seu imaculado BPN e o pedinte da Madeira que precisa de 500 milhões para as eleições, já ninguém acredita ou confia neste governo e é mesmo de dentro do seu partido que atiraram as primeiras pedras.
06
Set
11

Silva e os seus bonecos

«Ferreira Leite arrasa a política fiscal. Marques Mendes questiona os insuportáveis sacrifícios. Pacheco Pereira critica a política do martelo. Soares avisa que Portugal está no limite. Barreto admite convulsão social. João Duque fala em pouca inteligência. Marcelo critica falta de explicações do Governo. O incómodo alastra no PSD e no CDS.

Os pesos pesados do PSD já aparecem em público a criticar a politica do Passos Coelho. Os militantes desesperam e os votantes assumidos já mostram desconforto e muitos não assumidos já mostram vergonha. O único que não fala, depois de tanto barulho que fez na governação do Sócrates, é Cavaco Silva, seja de viva voz ou no seu facebook, mas esse tem os seus “bonecos” mandados para lhe exprimirem o estado de alma. O PSD tenta esconder-se por detrás do Ministro dasFinanças, o CDS mantem-se em silêncio para ver se ninguém se lembra do que prometeram e que fazem parte desta governação. Já todos perceberam que falar de cortes na despesa e recusa de aumento de impostos é fácil na oposição mas mais difícil quando se chega ao governo. As saudades que já tantos têm dos PEC’s , que sendo maus eram doces comparados com as medidas azedas da governação laranja. Mas pior que as medidas tomadas e os sacrificios pedidos é a consciência que já muitos vão tendo que este caminho não leva a lado nenhum a não ser a mais recessão sobre a recessão. Passos Coelho já percebeu que o “murro no estomago” da Moodys vai ser a menor das dores que ainda vai ter de sofrer. A sua governação não é uma enxaqueca é um cancro que alastra e a tentativa de isolar o tumor chamando-lhe Vitor Gaspar não engana ninguém.


21
Jul
11

Chanceler do Conselho das Ordens Nacionais.

«O Presidente da República aprovou, esta segunda-feira, a nova composição dos três Conselhos das Ordens Honoríficas Portuguesas, cabendo a Manuela Ferreira Leite o lugar de Chanceler do Conselho das Ordens Nacionais.

O Cavaco dá-nos a todos o sentimento de segurança, o exemplo de como no meio da tormenta e da crise se pode viver num oásis de prosperidade e elegância.  Cá fora fala-se da redução do tamanho do estado, dos muitos institutos que não servem para nada, de serviços que não fazem falta e que é necessário extinguir. Até dos que fazem falta já falam. Lá dentro recebem-se convidados, amigos e até se nomeiam Chanceleres e Conselhos.
Já houve quem me dissesse que tem mesmo de ser assim, pois aquele é o último reduto, o símbolo da nossa independência como Nação, que a manutenção da tradição e do protocolo é que fazem o país ser aquilo que é. Acabei por concordar, é por isso que continuamos a ser aquilo que somos.

09
Jun
11

Quem é amiguinho? Quem é?

A amiga do Sr. Silva, Manuela Ferreira Leite, vai ser agraciada amanhã com uma alta condecoração pelo Presidente da Republica. Condecorações há muitas, de grande espada, de pequena espada, de ferro, de prata e até de lata. De tanto terem sido distribuídas a compadres e amigos ao longo dos anos valem, o que valem para quem ainda valem alguma coisa.  Curiosamente, num outro país também em crise, mais pequeno em população mas maior em respeito e justiça, a Islândia, julgam-se em tribunal os culpados por má governação enquanto em Portugal se condecoram. Aliás, neste caso, até quem medalha é o político que  mais contribuiu para a situação de desgraça em que nos encontramos hoje.
31
Maio
11

Aih, tanta raivinha de dente

 

No final do seu discurso, durante uma ação de campanha para as legislativas do próximo domingo, Manuela Ferreira Leite insistiu: “Pedro Passos Coelho vai-me desculpar, mais uma vez digo, eu não ando à procura de um outro primeiro-ministro, eu ando à procura que o engenheiro Sócrates saia de primeiro-ministro. “Eu, pessoalmente, dada a atitude do engenheiro Sócrates, dado aquilo que ele diz, nem tranquila fico se ele ficar na oposição, porque acho que ele na oposição vai ser tão pernicioso para o país quanto na liderança do país, porque vai fazer a maior das afrontas a tudo aquilo que vá ser feito para cumprir o acordo que ele próprio assinou”.

Como Primeiro-ministro nem pensar, deputado fora de hipótese, residente em Portugal nem imaginar isso é bom, viver no Planeta Terra um perigo, só haver a memória do seu nome uma ameaça global. Talvez seja a sua costela dos seis meses de cancelamento da democracia, talvez seja o ressentimento por ele lhe ter dado uma “tareia” nas últimas legislativas, talvez seja simplesmente ódio.
Pessoalmente até concordo com ela, o Engenheiro da Independente devia ser responsabilizado criminalmente pelo mal que fez a este país, mas o melhor mesmo é ela ficar calada que nós não nos esquecemos de quando foi ministra, nem do seu amigo de Boliqueime e gangue associado. e lhes fossemos exigir também responsabilidades.

03
Maio
11

O Hino do adeus…Passos Coelho

Novo Hino de campanha do PSD e já eles cantam que está na hora de mudar…Passos Coelho. Já não falta muito, as eleições são já dia 5 de Junho e líder derrotado é líder descartado.



Indignados Lisboa
Julho 2020
S T Q Q S S D
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Blog Stats

  • 716.690 hits


%d bloggers like this: