Posts Tagged ‘Wolfgang Schauble

30
Maio
13

Ai que semanas difíceis as do Sr. Ministro.

vitor gaspar angela merkel passos coelho ajoelhou tem de pagar

 Vítor Gaspar pediu “simpatia pelas difíceis semanas” que tem vivido “como adepto do Benfica”.

Pena que não tenha simpatia pelo povo do seu país pelos difíceis anos que têm vivido e que continue a roubá-lo e a espolia-lo dos seus direitos e dignidade. Pena que não tenha simpatia por aqueles que caíram no desemprego, na fome e na miséria devido às suas ideias e politicas de austeridade. E é este sacana que vem pedir simpatia porque tem tido umas semanas difíceis porque o seu clube de futebol perdeu.  Vá á merda Sr. Ministro. Vá morrer longe que gente como você só merece o nosso desprezo e vómito. Bandalho.

 

Anúncios
22
Maio
13

O Boneco alemão

vitor gaspar Wolfgang Schäuble, boneco

Vítor Gaspar recebeu, em Berlim, elogios do ministro alemão das Finanças Wolfgang Schäuble e anunciou  em Berlim, que o banco público de investimento alemão está a avaliar a extensão de apoio financeiro às empresas portuguesas, podendo assumir participações indirectas em pequenas e médias empresas (PME).

 

Parabéns Gaspar já tens o futuro assegurado num qualquer cargo da elite financeira. Para nós fica mais dívida, mais austeridade e até as pequenas e médias empresas portuguesas nas mãos do Banco Público Alemão. Já há muito que entregámos a independência financeira e politica, faltava agora só os restos da económica. Alguém me explica qual a diferença entre aquilo que hoje é Portugal e um país colonizado?

 

11
Abr
13

Os nossos amigos alemães

Wolfgang Schäuble dr strangefriend

 

11
Nov
12

A Merkel em Lisboa

 

 É Já amanhã

21
Set
12

Parvos ou hipócritas? Ou as duas coisas?

As manifestações de Sábado em Portugal foram, para o ministro de Finanças Vítor Gaspar, “manifestações de força de carácter” e “não de ruptura”. Vitor Gaspar descreveu esse sobressalto cívico de Sábado, sem mudar o seu habitual tom. “As manifestações foram muito grandes, com muita gente de diferentes origens sociais e sensibilidade políticas que quis que a sua voz fosse ouvida. Houve muita contenção e dignidade e tínhamos a certeza de que não haveria incidentes”, disse o ministro português ao lado do ministro alemão Wolfgang Schäuble. Numa resposta a um jornalista alemão, Gaspar defendeu que o slogan da manifestação em que o povo se diz querer ver livre da ‘troika’, afirmando que “a única hipótese [de se ver livre da ‘troika’] é concluir com sucesso o processo de ajustamento, para não ser necessário mais tempo”.
Já Wolfgang Schäuble destacou as qualidades de Vítor Gaspar enquanto governante, a quem disse ser «o homem certo no lugar certo e no momento certo», além de mostrar «respeito» pelos sacrifícios a que os portugueses estão sujeitos.

Este Vitor é um cómico. Só assim se justifica ter ido dizer para a Alemanha que manifestações que tinham como lema “Que se lixe a Troika” foram um pedido para continuar com a cumprir o memorando para assim ele terminar o mais cedo possível. Claro que um milhão de pessoas a manifestarem-se mandando a troika lixar-se não é desejar a ruptura. Chamamos-lhe gatuno porque temos um enorme carácter mas não queremos que ele se vá embora. Tudo isto porque quem se manifestou foram cidadãos com muita contenção e dignidade e por ele tinha a certeza que não haveria incidentes. Que fomos contidos mesmo não tendo este governo o mínimo de contenção nos roubos que nos tem feito, é verdade, que apresentámos a dignidade que a cambada que nos governa nunca apresentou também é verdade. Também é verdade que não houve incidentes porque os portugueses estavam a mostrar um cartão vermelho a estes pulhas acreditando que eles perceberiam que estava na hora de saírem. Afinal parece que não perceberam e por isso talvez seja necessário explicar-lhes melhor. Ou vão a bem ou vão a mal. Já não os queremos aí, já basta.
Mesmo perante toda esta enxurrada de aldrabices o Ministro do país dos Nazis não se desmanchou e mostrou todo o seu amor pelo nosso Vitinho. “O homem certo, no lugar certo na hora certa”. Só se estava a falar dos interesses da Alemanha porque para os portugueses ele já é passado. Se gosta tanto dele, leve-o para Berlim e faça dele seu adjunto. Pelo menos ficava a merda toda metida no mesmo saco.

18
Set
12

O Império contra-ataca

A chanceler alemã, Angela Merkel, voltou hoje a defender a redução das dívidas públicas e reformas estruturais como solução para a crise em Espanha e em Portugal, mesmo que para isso tenham de passar por uma fase de recessão.
A inclusão da descida da Taxa Social Única (TSU) na 5ª revisão do memorando de entendimento a Comissão Europeia veio hoje lembrar que o desembolso da próxima tranche do empréstimo a Portugal está condicionada ao cumprimento integral do que foi acordado com a Troika. Questionada sobre a possibilidade de um caminho alternativo pelo governo português, escusou-se a “especular sobre um espaço de manobra” para substituir esta medida por outras, optando por sublinhar que “o facto é que esta medida foi uma das acordadas no quadro da última revisão” do programa de ajustamento, tendo de resto sido colocada em cima da mesa pelas autoridades portuguesas.

Parece-me que o título do filme ” O Império contra-ataca” traduz bem a resposta da Europa à contestação que os portugueses mostraram. Para esta gente a palavra democracia não passa de uma palavra à qual não se deve dar a mínima importância. Aquilo que os povos pensam ou sofrem não tem qualquer valor comparado com o poder da Banca e dos mercados. Morra-se de fome, de doença ou um país seja atirado para a escravatura laboral e social é algo de somenos importância. Viva a troika e viva o Euro.

09
Maio
12

O Delfim de Wolfgang Schäuble


Jean-Claude Juncker pretende deixar a liderança do Eurogrupo em Junho e a discussão sobre a sua sucessão à frente do Eurogrupo foi ontem relançada pelo ministro alemão das Finanças. Wolfgang Schäuble, assumiu, pela primeira vez, que não descarta a hipótese de ocupar o cargo mas sublinha que há outras pessoas capazes, como por exemplo, o português Vítor Gaspar. “Pessoalmente, aprecio muito o ministro das Finanças de Portugal, Vítor Gaspar”, disse o político conservador alemão, embora considere “que seria difícil” explicar semelhante nomeação devido ao facto de Portugal ser um país intervencionado.

Porra, se a Europa está como está e o Vitor Gaspar só é Ministro das Finanças de Portugal, o que seria dela se ele mandasse nas políticas económicas de todo o espaço Europeu. Para nós, que nos livrávamos  dele seria uma lufada de esperança, mas deixar um ditador ficar à frente do Eurogrupo, sobretudo sabendo como no caso do Durão Barroso que acabam por ser “mais papistas que o papa”, acabaria inevitavelmente por colocar toda a Europa a pão e água.




Indignados Lisboa
Agosto 2019
S T Q Q S S D
« Jun    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

Blog Stats

  • 712.622 hits

Anúncios

%d bloggers like this: