11
Ago
12

Somos governados por canalhas e pulhas

O Banco Central Europeu recomendou aos países que estão a sofrer altas taxas de desemprego uma bateria de medidas estruturais que inclui reduzir mais os salários e as indemnizações por despedimento.
Para aumentar a competitividade, o BCE considera «urgente» reduzir os «custos laborais e as margens de lucro excessivas», especialmente nos países com uma alta taxa de desemprego. Primeiro, o banco central sugere medidas como «reduzir o salário mínimo», «relaxar as leis de protecção laboral», «permitir o contrato individual de trabalho» e «abolir a correlação entre salários e inflação».

Para quem tenha dúvidas sobre qual o futuro que estes canalhas têm definido para a Europa este relatório é claro. Menos protecção social e salários mais baixos em nome da economia global e dos mercados. Nos últimos dois anos o salário médio em Portugal já foi reduzido em 107 euros, já reduziram de 30 para 10 dias por cada ano de trabalho as indemnizações por despedimento, já possibilitam o despedimento sem justa causa, já diminuíram o valor do subsidio de desemprego, já aumentaram a idade da reforma e reduziram o seu valor mas ainda não lhes basta. Para esses pulhas 485 euros de salário mínimo ainda é muito e há que reduzi-lo enquanto promovem o aumento dos custos na energia, transportes, justiça, saúde e educação. Para esses FdP somos gado a quem podem explorar e utilizar como desejam e depois atirar para o lixo quando já não servimos. É esta gente que temos de combater e correr do poder assumindo-o como colectivo de cidadãos numa verdadeira democracia. Estamos fartos e está na hora de o demonstrarmos. Juntem-se, debatam e criem alternativas. Só assim podemos derrubar esta gente que nos trata como escravos do mercado.

Anúncios

1 Response to “Somos governados por canalhas e pulhas”


  1. Agosto 11, 2012 às 15:24

    É muito claro que o bjectivo é transformar o Povo ordeiramente numa economia chinesa, onde os sálários são de verdadeira miséria, todos sabemos isso.
    Assim a corja, uns bandidos de colarinho branco, poderão continuar a explorar, ter as suas riquezas nos mais diversos paraísoa fiscais, nas multinacionais, nos carros de luxo de alta cilindrada, nas luxoosas mansões, nas amantes, enquanto o Povo como escravos, morre à mingua sem dó nem piedade.
    Tarda em expulsar os que se venderam e estão na Presidência da Repúblia, no Governo e na Assembleia da República, em algumas Autarquias, nos partidos, nos tribunais, nos escritórios de advogados, na gestão de algumas empresas. Há que denunciá-los apontando-os a dedo.
    Já há gente passando fome e a morrer por causa desses estupores indignos.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


Indignados Lisboa

Blog Stats

  • 698,848 hits


%d bloggers like this: