Arquivo de 8 de Fevereiro, 2012

08
Fev
12

O Cavalo de Troika

Contrariamente ao discurso do governo que diz que Portugal não é a Grécia, hoje devíamos ser todos gregos. Perante o ataque e a chantagem dos mercados e dos seus supostos parceiros Europeus no formato “Merkozy” deveríamos ser todos gregos por solidariedade. Mas, mesmo aqueles que não são capazes o de fazer por esse motivo, mesmo aqueles que repetem o discurso oficial de terem sido inconscientes e terem gasto mais do que podiam, deviam sentir-se todos gregos por estarem a ver hoje na Grécia o que vai acontecer em Portugal daqui a algum, pouco, tempo. É que a Merkel e os mercados nem escondem as razões pelas quais ameaçam a Grécia de falência se não cumprir com os seus desejos e aceitar atirar o seu povo para a miséria extrema. A única razão é receberem os juros do dinheiro que lhes emprestaram. O acordo tem de ser feito agora ou em Março a Grécia não ia poder pagar a prestação do empréstimo. A Merkel propôs mesmo que fosse criado na Grécia um fundo inviolável só para juntar os dinheiro dos juros a pagar. Até foi levantada a hipótese de a Grécia ter de mudar de nome por ser uma “marca” com muito má fama. Para os mercados, Portugal é o próximo na fila, a politica de austeridade deste governo vai “rebentar” dentro de muito pouco tempo quando começarem a surgir os resultados das receitas fiscais e do aprofundamento da recessão. Todos o sabem mas ninguém parece ter vontade de fazer nada.

08
Fev
12

O pomposo de merda

Aqueles mais pudicos e que não gostam de ouvir palavrões é melhor não continuarem a ler este texto. Não sei o que vou escrever mas sempre que ouço este palhaço do passos Coelho a falar só me apetece chamar-lhe todos os nomes mais porcos da língua portuguesa. Este pomposo veio agora  dizer aos portugueses para serem “mais exigentes”, “menos complacentes” e “menos piegas” porque só assim será possível ganhar credibilidade e criar condições para superar a crise. Logo este filhinho da sua mãe que nos chamou de preguiçosos, nos acusa de não assumirmos desde já a nossa condição de pobres, de termos gastado acima das nossas possibilidades, que já nos fez de parvos, que é mentiroso, que é hipócrita. Agora, por reclamarmos dos direitos roubados, nos indignarmos pela  politica de empobrecimento por ele assumida e de apelo à imigração dos nossos trabalhadores mais qualificados, promovendo da destruição do futuro, vem-nos chamar de piegas. Razões para corrermos com esta canalha não faltam, só falta mesmo a força a este povo para tirar o rabo do sofá. Custa-me a entender como há quem ouça estas coisas e não sinta logo uma raiva a crescer cá dentro, uma vontade de o correr a pontapé. Isto de só lhe rogar pragas já não chega.




Indignados Lisboa
Fevereiro 2012
S T Q Q S S D
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
272829  

Blog Stats

  • 717.073 hits


%d bloggers like this: